Elefanta resgatada que passou 46 anos em cativeiro se diverte em santuário

Elefanta resgatada que passou 46 anos em cativeiro se diverte em santuário
Fotos: Wildlife SOS

Se você já viu um elefante na natureza, já sabe quão majestosos eles são. Eles movem seus corpos massivos como se fossem dançarinos. Um dançarino enorme e cinza. E, mesmo assim, apesar de sua beleza, apesar do fato de que eles claramente demostram inteligência (eles conversam entre si em um dialeto baixo e estrondoso e recebem as mensagens através das vibrações que eles sentem em seus pés!), os elefantes continuam na lista de espécies ameaçadas e o comércio de marfim ainda está prosperando.

Estima-se que existam cerca de 35.000 elefantes indianos na natureza hoje. Entretanto, há milhares de elefantes indianos que foram reproduzidos em cativeiro ou sequestrados e submetidos a um processo de treinamento incrivelmente desumano e doloroso antes de serem forçados a uma vida de servidão.

Os elefantes em cativeiro trabalham até a morte. Eles são forçados até que, vagarosamente, seus corpos cansam e eles são descartados como inúteis e incapazes de gerar lucro. Mas não fique muito deprimido, organizações como Wildlife SOS, um grupo de resgate que luta pelos direitos dos animais baseado fora da Índia, estão trabalhando incansavelmente para colocar um fim nestas práticas cruéis e salvar o máximo de elefantes possível. Recentemente eles resgataram Asha e aqui está sua história.

Conheça Asha, ela tem 46 anos de idade. Toda sua vida até agora foi passada em cativeiro.

india_elefanta_resgatada_passou_46_anos_cativeiro_2

Ela começou a fazer passeios com turistas para cima e para baixo de colinas em Jaipur, na Índia. O trabalho extenuante e o pobre tratamento resultaram em várias lesões sérias. Já que ela não era mais capaz de trabalhar, ela foi vendida e se tornou um elefante pedinte.

india_elefanta_resgatada_passou_46_anos_cativeiro_3

Quando Wildlife SOS chegou nela, ela estava em péssima forma. “Ela tem abcessos dolorosos nos dois quadris que são causados por deitar continuamente em superfícies duras. Examinando suas orelhas, vimos perfurações nas dobras das orelhas, também no lobo temporal, indicando os métodos cruéis e dolorosos do treinamento”.

india_elefanta_resgatada_passou_46_anos_cativeiro_4

Após muito trabalho duro dos veterinários no Elephant Care Center Mathura, e muitas doações generosas, Asha embarcou em um caminhão e foi levada para sua nova casa.

india_elefanta_resgatada_passou_46_anos_cativeiro_5

E agora ela está muito feliz em seu novo lar!

Asha seria muito mais feliz correndo livremente na natureza, mas como ela passou tantos anos em cativeiro e precisa de tratamento especial, ela continuará a viver seus dias no conforto dos outros elefantes resgatados e amorosos cuidadores. Enquanto sua história aquece nossos corações, Asha é uma exceção. O abuso de elefantes ainda é muito prevalente ao redor do mundo. Então vamos nos envolver! Se você quiser apoiar elefantes como Asha, visite Wildlife SOS e faça uma doação para ajudá-los a salvar mais paquidermes que sofrem abusos.

Tradução de Alice Wehrle Gomide

Fonte: One Green Planet

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.