Em Barbosa Ferraz (PR), aves e cães em situação de maus-tratos são resgatados pela PM e Associação Protetora

Em Barbosa Ferraz (PR), aves e cães em situação de maus-tratos são resgatados pela PM e Associação Protetora

Uma denúncia anônima de maus tratos aos animais em uma residência em Barbosa Ferraz acabou levando a Polícia Militar até o local após solicitação da associação de proteção aos animais do município. Ao chegarem no local, as equipes da associação de proteção aos animais e da polícia não conseguiram contato com a moradora, que aparentava não estar em casa.

Alguns dos vizinhos informaram que ela estava fora há cerca de 15 dias e pediu para que eles alimentassem os animais durante sua ausência.

Devido à denúncia, os policiais decidiram entrar no quintal da casa, que não possui muros, grade ou portão, sendo de fácil acesso. Lá, encontraram três cachorros adultos, sendo um deles mantido em um compartimento sujo com fezes misturadas à comida, outro amarrado em uma corrente com fezes ao redor e sem água, e outro solto. Os três eram da raça pinscher. Uma das cadelas estava com três filhotes recém-nascidos, que segundo um vizinho, haviam sido criados em uma gaiola no teto, no dia anterior.

Além dos cachorros, também foi encontrado um papagaio sem anilha e com alimentação precária. Cinco aves da espécie calopsita estavam presas em gaiolas com alimentos e água em condições insalubres. Uma das calopsitas estava chocando dentro de um ninho em uma gaiola separada.

A associação apreendeu os animais e o papagaio foi encaminhado para o Instituto Água e Terra (IAT). Um boletim de ocorrência foi registrado

e a situação foi encaminhada para a Delegacia de Barbosa Ferraz. Os cachorros e as aves foram apreendidos pela associação de proteção aos animais.

Por Claudiney Rato

Fonte: Coluna

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.