Embriagado, morador de Botucatu (SP) atea fogo no próprio cachorro

Embriagado, morador de Botucatu (SP) atea fogo no próprio cachorro

SP botucatu Cachorroqueimado desfoque

Completamente alcoolizado, um homem de 37 anos matou o cachorro com uma paulada na cabeça e em seguida ateou fogo no animal no quintal de sua casa, na rua Miguel Alvarenga, no Bairro Alto, em Botucatu (100 quilômetros de Bauru).

Segundo os guardas civis municipais (GCM) de Botucatu, Antônio Lazarini e Odair de Matos, o crime ocorreu por volta das 15h deste sábado (9), quando vizinhos denunciaram que o morador havia matado o cachorro carbonizado. Pelo local, a GCM encontrou o indivíduo de iniciais V.A.G. visivelmente embriagado, mas, não o suficiente para impedi-lo de matar com crueldade o cachorro, que estava com seus restos mortais junto a um sofá velho, que também foi queimado.

Ainda de acordo com a GCM, o homem contou que bebeu cinco garrafas de cerveja e ingeriu várias doses de conhaque em um bar próximo da residência. Quando chegou em casa, segundo ele, viu seus dois cachorros de estimação em uma briga no quintal e se apoderou de um pedaço de madeira, uma viga de aproximadamente 1,4 metro e conseguiu interromper e separar os cachorros. Não satisfeito em afugentá-los, ele perseguiu um deles que se escondeu, com medo, debaixo de uma das camas. Quando tentou tirar o cachorro assustado, ele levou uma mordida em uma das mãos.

Segundo os guardas civis, o indivíduo, de maneira covarde, retirou o cachorro com violência e, de maneira covarde, atingiu a cabeça do animal com uma paulada. Na sequência ele arrastou o cachorro até o quintal, colocou em cima do sofá e ateou fogo.

O indivíduo foi encaminhado para prestar depoimento da Polícia Civil e responderá por crime ambiental em liberdade.

Fonte: JCNet

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.