ES: Pinguins são soltos em Itapemirim após período de recuperação

ES: Pinguins são soltos em Itapemirim após período de recuperação

Outros 30 pinguins estão em tratamento no Centro de Reabilitação. Durante a fase de recuperação, cada um deles consome aproximadamente um quilo de peixe por dia.

ES Itapemirim pinguins soltos

Depois de um período de recuperação 25 pinguins-de-magalhães foram soltos em alto mar em Itapemrim, no Sul do Estado. Os animais foram encontrados em praias do Espírito Santo, Bahia e Rio de Janeiro e estavam em tratamento no Centro de Reabilitação de Animais Marinhos, em Cariacica.

Esse é o segundo grupo de pinguis solto em alto mar em menos de um mês. No dia 14 de setembro, outros 29 foram soltos no mesmo local. Os animais devem nadar até a região da Patagônia, entre o Chile e a Argentina.

Outros 30 pinguins estão em tratamento no Centro de Reabilitação e poderão ser soltos após se recuperarem. Para a soltura também é necessário que as correntes marítimas estejam favoráveis.

Se alguém encontrar um animal marinho na praia que precise de cuidados, deve entrar em contato com o do Instituto de Pesquisa e Reabilitação de Animais Marinhos no telefone (27) 9865-6975.

Pinguins-de-magalhães

Os pinguins-de-magalhães se alimentam, principalmente, de peixes e durante o inverno, sobem a costa do Atlântico em direção ao Norte, seguindo as correntes marinhas. Geralmente quando encalham nas praias, os animais estão fracos e debilitados. Durante a fase de recuperação, cada um deles consome aproximadamente um quilo de peixe por dia.

Fonte: Folha Vitória

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.