Espanha: Campeonato de tiro em Alhaurín de la Torre tem protesto contra ‘matança de aves’

Espanha: Campeonato de tiro em Alhaurín de la Torre tem protesto contra ‘matança de aves’

Grupos ativistas, associações ecológicas e representantes do Equo e Pacma reclamam contra o campeonato.

Tradução Alice Wehrle Gomide

Espanha protesto matanca aves

Grupos ativistas, associações ecológicas e representantes do Equo e Pacma protestaram nas portas do Clube de Tiro Jarapalo em Alhaurín de la Torre, na Espanha, durante a celebração do Master e Campeonato da Espanha que ocorreu no primeiro fim de semana de outubro. Virginia Jimenez, da Plataforma contra o Tiro ao Pombo e da associação Amigos das Pombas, leu um manifesto contra a “matança por diversão” que ocorre neste torneio onde centenas de aves, principalmente pombas, “são mutiladas e soltas para logo serem abatidas pelos disparos dos participantes”.

O protesto, autorizado pela Delegação do Governo, convocou mais de cem pessoas que participaram pacificamente, apesar das provocações contínuas de algumas pessoas que, desde o interior do clube, protegidos pela Guarda Civil e pela Polícia local, zombavam e gesticulavam em direção aos ativistas.

Os porta-vozes do Equo em Málaga, Estela Martín e Paco Soler, declararam que Equo continuará trabalhando nas distintas instituições e estudam ações em nível judicial para erradicar todas as práticas que causam abuso animal e um desprezo pelos direitos dos mesmos.

Enquanto isso, Juan Manuel Mancebo, vereador e porta-voz da candidatura cidadã de Alhaurín, lembrou que na próxima sexta-feira (9) defenderá na sessão ordinária do mês de outubro da Plenária da Prefeitura uma moção solicitando a declaração do município como “amigo dos animais e contrário ao abuso animal”, com a solicitação expressa de que se iniciem os trâmites para acabar com essa modalidade de tiro em Alhaurín.

Fonte: El Diario

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.