Espanha: Centenas de cabras mortas à fome. “Um campo de extermínio animal”

Espanha: Centenas de cabras mortas à fome. “Um campo de extermínio animal”

Na última segunda-feira, a Guarda Civil pôs fim a uma quinta de gado caprino em Huesca, Espanha, onde centenas de animais estavam sujeitos a condições atrozes.
Escreve o El Pais que mais de 350 cabras morreram à fome naquele espaço, e pouco mais de 30 estavam vivas mas em agonia.

“Nos meus 23 anos de serviço nunca tinha visto nada assim”, admitiu o tenente Arturo Notívoli.

A proprietária do local, uma mulher de 47 anos, acabou por ser detida.

O cenário “dantesco” descrito pelo mesmo oficial é impressionante: “Aquilo era um campo de extermínio, com centenas de cabras mortas, outras a agonizar, animais esfomeados em que se viam as costelas todas, cabritos de três semanas junto aos cadáveres das mães”.

Os animais tinham sido todos abandonados para morrer à fome. As análises levadas a cabo apontam para que aquelas cabras estariam há já 25 dias sem comer quando a quinta de cerca de três mil metros quadrados foi descoberta e fechada.

O caso em larga escala de maus tratos a animais é hoje destaque na imprensa espanhola.

A Guarda Civil divulgou imagens captadas em vídeo da operação, que podem chocar os leitores.

Por Pedro Filipi Pina 

Fonte: Notícias ao Minuto / mantida a grafia lusitana original

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.