Espanha: Mulher usa pato vivo para agredir banhista

Espanha: Mulher usa pato vivo para agredir banhista

Tradução Alice Wehrle Gomide

Espanha pato

Um ativista pelos direitos dos animais filmou como uma mulher, que participava da tradicional festa chamada empaitada d’ànecs (perseguição de patos, em catalão), na cidade de Roses, em Gerona, na Espanha, o golpeou com um pato que tinha capturado vivo na água do mar enquanto o ativista censurava sua atitude.

Nas festas de Roses patos são soltos ao mar para que possam ser pegos pelos banhistas, mas a parte de agredir usando o animal não faz parte da tradição.

Fonte: Frontera Ensenada

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.