ESPANHA scared-dog thumb m

Espanha punirá zoofilia e brigas de galos e cachorros com penas de prisão

ESPANHA scared-dog

A Espanha punirá, pela primeira vez, “a exploração sexual” contra os animais (zoofilia) com uma pena de três meses a um ano de prisão, assim como os maus-tratos em espetáculos não autorizados, como as brigas de galos e cachorros, com prisão de seis meses a dois anos.

O parlamento espanhol debate nestes dias uma reforma do Código Penal e hoje o deputado do governante Partido Popular Leopoldo Barreda revelou estas medidas em um debate para aumentar a proteção aos animais no ordenamento jurídico do país.

A maioria dos grupos parlamentares espanhóis celebrou a introdução destas penas, que, além disso, castigarão o abandono quando a vida do animal estiver em risco e desabilitarão, de um a três anos, os maltratadores de animais para ter bichos de estimação.

Em relação com a zoofilia, será castigado quem “maltratar injustificadamente qualquer animal que não viva em estado selvagem, causando lesões que menosprezem gravemente sua saúde ou submetendo-lhe à exploração sexual”, com penas de prisão de três meses a um ano.

Além disso, serão castigadas “as pessoas que organizarem combates de cachorros ou galos com a pena de prisão de seis meses a dois anos e inabilitação especial de 10 a 20 anos para quem for proprietário, possuidor ou ter a seu cuidado qualquer animal”.

Fonte: Yahoo Notícias

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.