Este vídeo de uma vaca leiteira sendo arrastada para longe de seu bezerro morto é tão desolador quanto importante

Este vídeo de uma vaca leiteira sendo arrastada para longe de seu bezerro morto é tão desolador quanto importante
Foto: Reprodução / Youtube

Não é nenhum segredo que a indústria leiteira trata as vacas como produtos. Nas fazendas industriais, as vacas têm seus bebês arrancados logo após darem à luz, são forçadas a ficarem em pé por horas a fio, às vezes apanham de forma violenta e raramente são tratadas com o respeito que merecem. Enquanto possa ser tentador achar que esse tipo de abuso ocorre apenas em grandes fazendas industrializadas, tratar animais como produtos ao invés de seres vivos que respiram é, infelizmente, uma tendência vista em todos os tipos de fazendas, grandes ou pequenas.

A vaca do vídeo acima, por exemplo, vive na fazenda Waikato na Nova Zelândia. Seu bezerro está morto a apenas alguns metros de distância, mas a vaca não pode se mexer porque está presa pelo quadril. Como partilhou a SAFE, a organização de direitos animais da Nova Zelândia que fez esse vídeo, o uso de levantadores de bovinos nestas fazendas não é apenas cruel, mas também ilegal.  Como a SAFE informa, o Código de Bem-estar das Vacas Leiteiras afirma que “levantadores bovinos não devem ser utilizados por mais de dez minutos e devem ser soltos e então removidos assim que a vaca não puder aguentar o peso. Se o levantador for utilizado para erguer uma vaca reclinada, ele deve ser colocado com um acolchoado.” O dessa vaca não tinha nenhum acolchoado e ela foi deixada lá por um bom tempo, considerando que as suas patas dianteiras não aguentaram de cansaço. Ficar presa por um levantador já é estressante o suficiente, mas ter seu filhote morto ao alcance da vista e não poder fazer nada é absolutamente cruel.

Vacas são seres incrivelmente inteligentes e emocionais que sentem dor exatamente como outro animal, ou humanos, na verdade. Se você acha que as vacas merecem mais, por favor, compartilhe esse artigo.

Por Veronica Chavez / Tradução de Carla Lorenzatti Venturini


Nota do Olhar Animal: As medidas de “bem-estar” servem apenas para evidenciar o quanto abusiva e cruel é a exploração animal em si. No mais, não cumprem sequer o que “prometem”, pois o descaso e a burla generalizada torna inócuas estas medidas.

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.