Estudantes querem construir enfermaria para animais doentes ou vítimas de maus-tratos em Gravataí, RS

Estudantes querem construir enfermaria para animais doentes ou vítimas de maus-tratos em Gravataí, RS

Um grupo de alunas do Curso de Direito da ULBRA de Gravataí, está desenvolvendo um projeto relacionado com a proteção aos animais.

Idealizado por Maria Lívia Adam Cerveira, Fátima Maria Gil Meregali, Isadora Bitencourt da Silva, Larissa Barbosa da Cunha e Vanice Gomes Rambor, alunas da professora Eliane Vargas de Campos, é intitulado Amigo dos Animais – Caminhos para a integração da ONG Animais de 4 Patas com o apoio das empresas privadas.

Segundo levantamento da Instituição Pet Brasil (IPB, 2018), realizado junto a 400 ONGs de todo o país, que trabalham com acolhimento de animais, o Brasil possui quase 185 mil (184.960) animais abandonados ou resgatados após maus tratos, sob a tutela de organizações não governamentais (ONGs) e grupos de protetores. Desse total, 177.562 (96%) são cães e 7.398 (4%) são gatos.

O RELATÓRIO

O relatório destaca uma mudança no perfil encontrado nas ONGs.

Atualmente, há uma proporção maior de animais que foram vítimas de maus-tratos, perto de 60%, e os 40% restantes são resultados de abandonos.
Segundo dados do Instituto, o número de animais de estimação em condição de vulnerabilidade mais do que dobrou no Brasil entre os anos de 2018 e 2020. Foi de 3,9 milhões para 8,8 milhões. A situação de vulnerabilidade é identificada nos bichos que vivem sob tutela das famílias classificadas abaixo da linha de pobreza ou que vivem nas ruas, mas recebem cuidados de pessoas ao redor, como comerciantes ou moradores da região.

OBJETIVO

O projeto das estudantes objetiva propor parcerias com empresas privadas que estejam dispostas a buscar auxílio para subsídios permanentes de despesas, através de doações com a finalidade de contribuir com a redução dos problemas existentes na ONG Animais de 4 patas, tendo como contrapartida o marketing positivo sob suas ações benéficas à instituição, fator que poderá servir como fomento nos atos de angariar fundos/doações externas.

As estudantes estão agora empenhadas na arrecadação de doações para construção de uma enfermaria para atendimento de animais doentes ou vítimas de maus tratos.

SOBRE A ONG 4 PATAS

Esta Organização Não Governamental se encontra situada em Santo Antônio da Patrulha, abrigando atualmente 400 animais, entre cães e gatos. A ONG está precisando da sua ajuda com doações para poder manter o atendimento dos animais. Está sendo aceito doações de valor financeiro, rações, serviço voluntário, adoção responsável de animais ou materiais de construção para finalização do prédio que foi construído para ser a enfermaria da ONG, dentro delas: cimento, areia, cimento cola, forro de PVC, piso de parede branco, portas, janelas. Qualquer doação será bem-vinda, entre em contato pelo fone: (51) 995321277. Acompanhe as redes sociais sítio4patas

PIX: [email protected]

MATERIAL DE CONSTRUÇÃO

Caso você prefira fazer doação em material de Construção eis o que é necessário:
Cinco metros de areia média, 10 sacos de cimento, 10 sacos de cal e piso cor branca.
Faça contato pelo celular citado acima.

As acadêmicas da Ulbra Gravataí da disciplina Cidadania Ativa e Desenvolvimento Regional desenvolvem projeto em busca de apoio da comunidade para contribuir com a situação dos animais abandonados e mal tratados. Essa questão de cidadania e sustentabilidade é de responsabilidade de todos e não apenas de entidades como a ONG 4 Patas que faz um brilhante trabalho na cidade e que para melhor atender esses animais precisa do apoio de nós todos, sendo qualquer ajuda bem-vinda.

Fonte: 2M Notícias

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.