Eventos com renas cancelados em toda Inglaterra após vídeo de maus-tratos

Eventos de Natal com renas são cancelados em toda Inglaterra após vídeo de maus-tratos

Oito eventos com renas ao vivo foram cancelados no período que antecede o Natal depois de uma investigação secreta mostrar um funcionário chutando um dos animais.

A Animal Aid usou câmeras escondidas no The Reindeer Center perto de Ashford, Kent, que, segundo a organização, mostrou uma agressão “chocante”.

O grupo de direitos dos animais disse que oito empresas agora vetaram o uso de renas ao vivo em seus eventos festivos.

No entanto, o proprietário de uma loja de renas alertou que o boicote poderia atingir inúmeras renas.

Uma porta-voz da Animal Aid disse que “eventos com renas de cativeiro simplesmente não são do melhor interesse das renas, que deveriam viver livres”.

“Vamos tentar impedir a importação de renas no futuro.”

No entanto, Stephen Swinnerton, proprietário do Blithbury Reindeer Lodge em Rugeley, Staffordshire, alertou que boicotar os eventos de renas poderia ser fatal.

O Sr. Swinnerton acrescentou: “Predadores na Escandinávia estão se tornando um grande problema, por isso o povo lapão da Escandinávia nos pediu para ajudar a proteger dez linhagens diferentes de renas, que morreriam se não fossem trazidas para cá.

“É óbvio que contamos com a renda trazida por nosso comércio de Natal para sustentar nosso trabalho o ano todo, então não poderíamos simplesmente oferecer esse tipo de lar às renas se as pessoas começassem a boicotar o seu uso nesses eventos festivos.”

A Animal Aid disse que as seguintes empresas e grupos suspenderam o entretenimento com renas ao vivo:

  • Blue Reef Aquarium, Hastings, East Sussex
  • White Rose Shopping Centre, Leeds
  • Notcutts, em oito lojas
  • Thurrock Garden Centre, Essex
  • Sevenoaks Town Council, Kent
  • Experience Guildford, Surrey
  • Leeds Castle, Kent
  • Champneys’ Eastwell Manor, Kent

O conselho de Sevenoaks contratou anteriormente renas vivas para seu evento anual de luzes de Natal, mas disse que não o faria este ano, pois não queria “nenhuma atividade que pudesse preocupar os habitantes locais”.

O centro de renas Ashford disse previamente que o homem filmado chutando a rena foi demitido por “ser inadequado”.

Uma porta-voz do centro disse que todos os animais dali “eram muito amados e bem cuidados”, e acrescentou: “A pessoa envolvida era de uma das várias novas equipes de meio período que contratamos para ajudar”.

“Ele foi dispensado por ser considerado inadequado após um curto período de tempo.”

“Esses assuntos foram discutidos na íntegra com a RSPCA e nosso veterinário no último verão.”

“Entendemos as preocupações e a angústia das pessoas, e só posso confirmar que nós, como uma família, nos preocupamos apaixonadamente com nossos animais.”

Tradução de  Alda Lima

Fonte: BBC

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.