Exterminador de gatos assusta moradores do bairro Santa Tereza, em Belo Horizonte, MG

Um exterminador de gatos está aterrorizando os moradores do Bairro Santa Tereza, na Região Leste de Belo Horizonte. No sábado, foram quatro animais envenenados e mais um apareceu morto na manhã deste domingo.

O que mais assusta as pessoas é que o criminoso deixa uma pedra com uma cruz pintada de vermelho junto aos corpos dos bichos. De acordo com o conselheiro da Associação Comunitária do Bairro Santa Tereza, Hércules Nadalin, várias outras pessoas reclamaram do sumiço dos seus animais de estimação.

Hércules conta que cuidava de dois gatos de rua que frequentavam a sua casa. Um deles apareceu morto na varanda da sua casa na manhã deste domingo. “Cheguei em casa na noite de sábado e ainda brinquei com ele. Voltei à varada pela manhã e ele já estava morto”, lamenta.

Hércules disse que vai registrar boletim de ocorrência na Polícia Militar e pedir ajuda ao comandante da 20ª Companhia, major Ronaldo Moreira, para apurar os crimes.

“É uma história muito macabra. Quem faz isso não pode ser uma pessoa normal. É um psicopata”, disse Hércules. Ele conta que foi procurado por uma moradora neste domingo e ela o relatou ter encontrado três gatos mortos e um agonizando.

“Ela contou que um gato estava morto debaixo de um carro, em frente ao seu prédio, e dois mortos na garagem do prédio. Um quarto gato estava agonizando na garagem da vizinha, segundo ela”, disse Hércules.

Os moradores, segundo ele, estão organizando uma campanha para conscientizar as pessoas a cuidar mais dos seus animais.

A notícia da morte dos gatos veio à tona no mesmo dia em que cerca de 250 pessoas, segundo estimativa da Polícia Militar, participaram de uma manifestação na manhã deste domingo, na Praça da Liberdade, Região Centro-Sul de BH, pelo fim da crueldade contra animais, a venda de bichos vivos no Mercado Central e o uso de animais em competições, como vaquejadas.

Por Pedro Ferreira 

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.