‘Família’ de capivaras interrompe trânsito em Votorantim (SP) e vídeo viraliza na internet

‘Família’ de capivaras interrompe trânsito em Votorantim (SP) e vídeo viraliza na internet

Motoboy que passava por avenida filmou cena em Votorantim (SP). Prefeitura diz que há medidas para cuidar dos animais e da saúde pública.

Uma “família” de capivaras parou o trânsito e surpreendeu quem passava pela avenida Luiz do Patrocínio Fernandes, Rio Acima, em Votorantim (SP). No vídeo gravado pelo motoboy Willian Porto Ligabó, mais de 20 animais aparecem enfileirados para atravessar a via, enquanto os motoristas esperam pacientemente. No final uma capivara “retardatária” corre para alcançar o grupo. As imagens foram postadas pela tia dele em uma rede social e viralizaram na web.

Em entrevista ao G1, Willian conta que já presenciou – em outras ocasiões – grupos de animais comendo grama pelos canteiros, mas nunca organizados e atravessando rua. “Quando vi elas, [capivaras] parei a moto para gravar e mostrar para os meus filhos. Foi muito engraçado. Eles ficaram encantados com os bichos, os mais velhos, de 4 e 2 anos, até pediram para eu levar eles para ver”, diz.

O motoboy não esperava que o vídeo tivesse tanta repercussão. “Ela [a tia] compartilhou para que pessoas da família assistissem e páginas de humor também gostaram. Não tinha dado importância, mas também não esperava essa repercussão toda”, conta.

Proteção

Em nota, a Prefeitura de Votorantim (SP) afirma que desde junho de 2014 divulga informações sobre os cuidados a serem tomados em relação à presença das capivaras. Ainda conforme a administração, os serviços de cercamento no município tiveram início no mês de maio. Os procedimentos foram protocolados e devidamente autorizados pelo Departamento de Fauna (Defau), do Estado de São Paulo.

A ação foi realizada após o levantamento de campo realizado pelas secretarias de Saúde (Sesa) e de Meio Ambiente de Votorantim sobre a população de capivaras que vive às margens do Rio Sorocaba e circulam pela área urbana.

Após o estudo, a nota destaca que não existe a necessidade de remoção ou castração dos animais. Entretanto, em trabalho conjunto com a secretaria de saúde, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMA) realiza ações relacionadas ao controle de zoonoses, sejam elas orientadoras, por meio de palestras, campanhas, eventos, elaboração de materiais informativos e rede social, e ações práticas, como o cercamento de contenção de acesso das capivaras em vias públicas e a instalação de placas que orientam sobre a presença das capivaras na região. Além disso, eles alertam os munícipes para estarem atentos sobre a existência de carrapatos.

Habitat

A secretária de meio ambiente da cidade informa que as capivaras são mamíferos herbívoros nativos da fauna brasileira, considerados os maiores roedores do mundo. Além disso, por serem animais nativos são protegidos por lei e devem ser respeitadas como habitantes originais dos ambientes próximos à água, onde atualmente a maioria das cidades se desenvolve.

Fonte: G1

MAIS NOTICIAS

{module [427]}

{module [425]}

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.