Feita primeira denúncia penal por maus-tratos contra animais em San Nicolás de los Garza, México

Feita primeira denúncia penal por maus-tratos contra animais em San Nicolás de los Garza, México
Fotos: Reprodução Internet

Frente aos fatos que rodaram as redes sociais, onde um indivíduo aparece golpeando um cão da raça Pug, o governo municipal da cidade mexicana de San Nicolás interpôs uma denúncia de caráter penal contra quem resulte responsável pelo delito de maus-tratos contra animais, na qual está contemplado o artigo 445 do código penal.

Andrés Ramírez Esquivel, coordenador geral da Proteção e Bem-Estar Animal do município de San Nicolás, foi ao Centro de Orientação e denúncia da Procuradoria Geral de Justiça do Estado, localizado em Cedeco, para apresentar a queixa que esta autoridade se encarregará de dar prosseguimento.

Ramírez Esquivel destacou que a sanção que a pessoa responsável pelo delito poderia receber seria de seis meses de prisão, além de uma terapia de caráter psicológico.

mexico_primeira_denuncia_maus_tratos_animais_2

O Coordenador Geral de Proteção e Bem-Estar Animal, Nico Laíta, deu a conhecer que estes fatos se registraram no dia 2 de dezembro e que atualmente o cãozinho já se encontra sob a guarda da Associação Civil Adota Monterrey, a qual possui um convênio com o município de San Nicolás para proteção e cuidado dos animais.

Finalmente, o funcionário indicou que apesar de que se tem plenamente identificada a pessoa que atentou contra o cão, pelo próprio sigilo da investigação, não se pode ainda revelar seu nome.

Tradução de Nelson Paim

Fonte: Gobierno de San Nicolás de Los Garza

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.