A filha de Steve Irwin está seguindo os passos do pai

Filha de naturalista australiano cresceu e salvou 90 mil animais do fogo na Austrália

A filha de Steve Irwin, Bindi, comoveu os internautas os internautas ao relatar o que está fazendo pelos animais vítimas dos devastadores incêndios na Austrália. Bindi ficou conhecida no mundo inteiro por ser filha do famoso naturalista australiano e especialista em animais selvagens.

Ele faleceu em 2006, mas seu trabalho de proteção dos animais continuou com sua esposa, Terri. E agora aos 21 anos, Bindi cresceu e está seguindo com os trabalhos de proteção ambiental de seus pais.

Ela relatou em suas redes sociais, que tem mais de 3 milhões de seguidores, que o hospital para proteger animais selvagens localizado na Austrália, criado por seu pai e que agora é responsabilidade dela e de sua mãe, já tratou mais de 90 mil animais vítimas dos incêndios na Austrália!

Bindi compartilhou uma foto em que aparece ao lado de uma imagem de seu pai e de sua avó e disse. “Com tantos incêndios devastadores na Austrália, meu coração está partido pelas pessoas e pela vida selvagem que estão perdendo tanto. Eu também quero que saibam que nós estamos salvos. Não há incêndios perto de nós e da nossa área de conservação ambiental. Mas nosso Hospital da Vida Selvagem está mais cheio do que nunca, nós já tratamos oficialmente de 90 mil animais. Meus pais dedicaram este hospital a minha linda avó. Nós vamos continuar a honrar ela, a lutar pela vida selvagem e salvar o maior número de vida que pudermos!”.

Diversos internautas elogiaram a atitude da jovem. “Você está fazendo algo tão incrível! Seu pai certamente está muito orgulhoso! Obrigada!”, comentou uma internauta. Outro internauta ainda disse: “Seu pai era meu ídolo e agora minha filha é a sua fã! Parabéns pelo trabalho!”.

Bindi atualmente diante da foto de Steve Irwin e de sua avó
Bindi atualmente diante da foto de Steve Irwin e de sua avó

Por Bruna Munhoz

Fonte: Bebê Mamãe

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.