Filhote de onça flagrado mamando se recupera com aquecedor para reproduzir abraço da mãe

Filhote de onça flagrado mamando se recupera com aquecedor para reproduzir abraço da mãe
Filhote de onça mamando após ser resgatado — Foto: PMA/Divulgação

O filhote de onça-parda encontrado em um canavial de uma usina sucroenergética entre os municípios de Paraíso das Águas e Chapadão do Sul, na região nordeste de Mato Grosso do Sul, está sendo cuidado no Centro de Reabilitação de Animais Silvestres em Campo Grande (Cras).

De acordo com o veterinário Lucas Cazati, o animal está bem e passará por novas avaliações nesta quinta-feira (12).

“Ele está sendo alimentado com leite próprio para felinos de 2 em 2 horas, e ficando em ambiente com aquecedores, já que na natureza a mãe abraça o filhote. Hoje, ainda vamos fazer alguns exames no bicho para ver se há presença de anemia e infecções e também vamos fazer raio-x e ultrassom nele”, explicou.

Segundo o Cras, o animal será devolvido à natureza em um prazo de 1 ano. O filhote foi encontrado por trabalhadores da usina durante os trabalhos de colheita da cana-de-açúcar. Ele foi retirado do local e levado para a unidade da Polícia Militar Ambiental (PMA) em Costa Rica.

A tenente-coronel Edenilson Queiroz, da PMA, acredita que a “onça mãe” fugiu do local abandonando o filhote em razão do barulho das máquinas de colheita da cana-de-açúcar.

“Na hora em que o filhote chegou, notamos que era muito novo e não tinha nem um mês de vida. Por isso, uma das primeiras preocupações foi alimentá-lo”. O vídeo abaixo mostra o filhote bebendo leite em uma mamadeira.

Queiroz explica que a PMA, nestes casos, sempre orienta os funcionários das usinas e as pessoas que residem em áreas ruais que, antes de recolherem os filhotes, que aparentemente foram abandonados pelas mães, afastem-se do local e evitem fazer barulho nas proximidades. O motivo é que, geralmente, os animais adultos voltam para buscar os filhotes quando a situação de “estresse” termina.

“Depois de algum tempo, a pessoa deve voltar e, caso o filhote ainda esteja no local ou nas proximidades, recolher o animal caso que não haja risco ou acionar a PMA para que faça a captura e recolhimento do animal”, orienta. Este é o primeiro filhote de onça encontrado este ano. Em 2019 foram três, todos em canaviais. 

Filhote de onça-parda encontrado em canavial de usina em MS. — Foto: PMA/Divulgação

Por Ricardo Freitas 

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.