Filmagem de câmera escondida traz abusadores de animais para a Justiça nos EUA

Filmagem de câmera escondida traz abusadores de animais para a Justiça nos EUA

Por Ameena Schelling / Tradução de Marli Vaz de Lima

eua fazendaleiteira1

Uma investigação secreta em uma fazenda de gado leiteiro revelou uma filmagem de abuso que fez com que a fazenda fechasse as portas – e agora, quatro trabalhadores foram acusados de crueldade animal por seus atos atrozes.

CUIDADO: o vídeo contém imagens chocantes

O vídeo, que foi lançado pela organização Mercy For Animals (MFA) em setembro, mostrou empregados da fazenda maltratando as vacas com chutes e murros, chicoteando-as com correntes, apunhalando-as com chaves de fenda e até mesmo batendo em seus órgãos genitais com cassetetes elétricos para fazê-las se mover quando elas estavam muito doentes ou exaustas para ficar em pé.

A fazenda leiteira do Novo México, Winchester Dairy, fechou suas portas logo após o vídeo ser lançado, realocando as vacas para outras fazendas leiteiras. E nesta semana, quatro ex-funcionários foram indiciados com nove acusações de crueldade contra os animais.

Em um comunicado, a MFA elogiou a promotoria pública do Condado de Chaves pelas acusações, mas observou que os proprietários de fazendas como a Winchester Dairy são definitivamente responsáveis por “permitir que uma cultura de crueldade e negligência criminosa deteriore suas fazendas”.

E, infelizmente, fazendas como estas são a regra, não a exceção. Matt Rice, diretor de investigações do MFA, disse ao jornal LA Times, em dezembro, que as explorações agrícolas não são alvo de suspeitas de violações. Melhor seria se os investigadores documentassem abusos onde quer que eles sejam contratados – e eles sempre encontram algo.

Felizmente, filmagens como esta têm tido um pequeno mas notável impacto em algumas das empresas envolvidas.

A Fazenda Leiteira Winchester era uma fornecedora do maior fabricante de mussarela do mundo, a Leprino, o que significa que o queijo dessas vacas maltratadas foi enviado para restaurantes populares como Domino’s, Papa John’s e Pizza Hut. Em resposta ao vídeo, a Leprino adotou o que MFA chama de “a política de bem-estar animal mais abrangente já adoptada por uma grande empresa de laticínios dos Estados Unidos.”

Fonte: The Dodo

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.