Fogo às margens do Rio Grande deixa dezenas de animais mortos em MG, diz Defesa Civil

Fogo às margens do Rio Grande deixa dezenas de animais mortos em MG, diz Defesa Civil
Dezenas de animais morrem atingidos pelo fogo às margens do Rio Grande, em Ibiraci — Foto: Reprodução EPTV

Dezenas de animais morreram por causa do fogo que atingiu pelo menos 30 propriedades no bairro Itambé, que fica entre Cássia e Ibiraci (MG), às margens do Rio Grande. Segundo a Defesa Civil, a estimativa é que o fogo tenha atingido pelo menos 200 hectares de mata nativa.

VÍDEO: Dezenas de animais morrem após queimada entre Cássia e Ibiraci

O fogo começou na tarde de domingo (5). O Corpo de Bombeiros de Passos foi acionado pelos moradores e se deslocou para o local, mas os militares estão com dificuldades de reabastecer o caminhão, já que o baixo nível do Rio Grande não deixa os veículos chegarem às margens.

As prefeituras de Ibiraci e Cássia enviaram caminhões-pipa para ajudar a apagar o incêndio, mas não tem sido suficiente.

“O prejuízo ambiental foi incalculável. Nós estamos na época da desova dos papagaios, dos filhotes de papagaios, foram todos mortos, a gente viu a agonia das aves batendo em volta do fogo. O nosso trabalho foi todo embora, Pau Brasil, várias mudas nativas que a gente plantou aqui, o fogo levou tudo. A gente acredita que para recuperar do jeito que estava aqui, mata nativa aqui, com menos de 20 a 30 anos, nem perto a gente consegue chegar. Uma faixa aí a gente estipula de 200 hectares de mata nativa que foi foi queimada, mata que nunca tinha sido tocada pelo homem”, disse o ativista ambiental Anderson Aparecido Manoel.

Ainda segundo o ativista, o fogo atingiu nascentes que desaguam no Rio Grande.

“Isso aqui é uma área de nascente do Rio Grande, tem várias nascentes que desaguam no rio, que já vem sofrendo com a seca, com o desvio das águas e agora uma das principais nascentes aqui da nossa região, a gente acredita que já tenha afetado de 20 a 30 nascentes só aqui, fora nos outros lugares, então isso dá um desfalque hídrico muito grande na nossa região”, completou.

Fogo queimou cerca de 200 hectares de mata entre Cássia e Ibiraci — Foto: Reprodução EPTV
Fogo queimou cerca de 200 hectares de mata entre Cássia e Ibiraci — Foto: Reprodução EPTV

Árvores centenárias que existiam no local também foram destruídas pelo fogo. As chamas já foram controladas pelo Corpo de Bombeiros, mas em alguns pontos da zona rural ainda é possível ver a fumaça. A preocupação da Defesa Civil agora é que, como venta na região, esse fogo possa se alastrar por outras regiões.

A Defesa Civil trabalha com a hipótese de fogo acidental, já que ele teria começado quando trabalhadores de uma fazenda acenderam o fogo para esquentar comida.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.