Gambá resgatada adora abraçar sua nova família

Gambá resgatada adora abraçar sua nova família

Por Caitlin Jill Anders / Tradução de Luciane Sarti

Quando a gambá Poppy era apenas um bebê, ela foi encontrada no jardim de uma casa após possivelmente ter caído das costas de sua mãe e ficado para trás. Kim Rice e seu namorado, Trevor, ficaram sabendo sobre o gambá necessitado, eles imediatamente se prontificaram a ajudar e a apanharam.

Gamba resgatada nova familia2

Os pais de Poppy não faziam ideia do que esperar dela em um primeiro momento, já que nunca tinham criado um gambá antes. “Ela era tão pequena quando a trouxemos, e não sabíamos qual seria seu temperamento, mas ela é adorável”, contou Rice ao site The Dodo.

Gamba resgatada nova familia3

Quando filhote, tudo o que Poppy queria era ficar no colo. Mesmo agora que ela é mais velha, o que mais gosta é de receber carinho, comer e dormir. Os gambás dormem mais de 18 horas por dia, de acordo com Rice.

Gamba resgatada nova familia4

Quando não está dormindo, Poppy adora saborear as refeições mais finas…

Gamba resgatada nova familia5

… E até já fez alguns comentários sobre comida em sua conta do Instagram. Ela é uma gambá muito sofisticada.

Gamba resgatada nova familia6

Kim também tem uma gatinha, FeFe, e quando Poppy chegou ao novo lar, FeFe ficou um pouco insegura em relação a ela.

Gamba resgatada nova familia7

Agora, tudo o que FeFe quer é ser a melhor amiga de Poppy, mas a gambazinha não está muito interessada. “Minha gata FeFe é obcecada por Poppy”, diz Rice. “Ela tenta desesperadamente estabelecer uma amizade. Poppy gosta mais de gente e não se importa de uma forma ou de outra com o seu relacionamento com a gata”.

Gamba resgatada nova familia8

Poppy realmente adora sua nova vida e não cansa de se aninhar junto de sua família.

“Ter Poppy mudou nossas vidas”, relatou Rice. “Ela é muito doce, exige poucos cuidados em comparação a outros animais e nos ensinou tanto”.

Gamba resgatada nova familia9

Você pode acompanhar mais das aventuras de Poppy em sua conta no Instagram.

Encontrou um animal selvagem ferido ou abandonado? Clique aqui para saber o que fazer.

Fonte: The Dodo

Mais notícias

{module [427]}

{module [425]}

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.