Gata faz a visita mais doce ao ex-tutor no lar de idosos

Gata faz a visita mais doce ao ex-tutor no lar de idosos

Chicken Little estava amando a vida com seu pai, Tony, quando de repente ele teve um derrame e acabou na UTI. Ficou claro que, mesmo quando ele tivesse alta, não seria mais capaz de cuidar de sua amada gata da mesma forma como antes, e então um de seus vizinhos começou a busca por uma nova família para Chicken Little.

Amanda Hassan estava na lista de espera para ser uma mãe temporária para alguns resgates locais e ainda esperava para ser aprovada quando viu uma publicação que o vizinho de Tony tinha feito em uma página do Facebook local, procurando por uma família adotiva para Chicken Little. Hassan rapidamente fez arranjos para levá-la, e não demorou muito para que estivesse completamente apaixonada pela doce gata. Ficou claro que esta era uma situação fracassada de lar temporário, e Hassan adotou oficialmente Chicken Little em sua família.

“Ele a chamava de Little Angel (Anjinho), mas passamos a chamá-la de Chicken Little porque ela fala muito”, disse Hassan ao The Dodo.

Depois que saiu da UTI, Tony mudou-se para uma casa de repouso, onde poderia receber os cuidados e a assistência que precisava. Mesmo que Chicken Little estivesse segura e feliz em sua nova casa, Hassan sabia que ela e seu pai deviam sentir a falta um do outro, e assim, com a ajuda da vizinha de Tony, ela organizou uma visita especial para reunir a dupla.

Mesmo que o lar de idosos tecnicamente não permita animais de estimação, o grupo decidiu fazer uma tentativa de qualquer maneira, e ficaram encantados ao descobrir que a equipe estava totalmente disposta para ajudá-los.

“A equipe de enfermagem e de assistência apenas finge que não a vê”, disse Hassan.

Depois de deixar Chicken Little no quarto de Tony na casa de repouso, ela ficou um pouco tímida no início, insegura de seu novo ambiente, mas assim que viu seu pai, não pôde deixar de correr até ele para alguns esfregões nas pernas e eventuais aconchegos.

“Ele pareceu se animar quando ela fez isso”, disse Hassan.

Tony estava tão feliz em vê-la, como ela estava para vê-lo, e ficou tão feliz por finalmente se encontrar com seu Anjinho.

Fotos: Amanda Hassan

Tony e Chicken Little tiveram bastante tempo para se abraçar em sua visita, e mesmo quando era hora de dizer adeus, ambos os seus espíritos permaneceram elevados. Os dois parecem empolgados por ainda verem um ao outro de vez em quando, e seus entes queridos estão determinados a manter as visitas pelo maior tempo possível.

“Esperamos levá-la a cada duas semanas”, disse Hassan. “Esperamos mantê-los animados com visitas regulares”.

Por Caitlin Jill Anders / Tradução de Maria Leticia Guerra Machado Coelho

Fonte: The Dodo

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.