Gatinho nascido com orelhas a mais encontra a família perfeita para amá-lo

Gatinho nascido com orelhas a mais encontra a família perfeita para amá-lo
Imagens: Instagram/Georgia Anderson

Frankie pode ter nascido diferente, mas ele é especial por muitos outros motivos.

Resgatistas encontraram o gatinho escondido com seu irmão sob uma casa em Geelong, na Austrália, um subúrbio de Melbourne, e ficaram chocados quando perceberam que o pequeno tinha um conjunto extra de orelhas, uma na frente da outra, além do olho direito deformado.

Quando os dois de gatinhos chegaram à Geelong Animal Welfare Society, não demorou muito para que comentários sobre a aparência incomum de Frankie se espalhassem. Ele causou uma grande impressão aos voluntários que cuidaram dele no abrigo, especialmente Georgia Anderson.

“Eu ouvi falar que um gatinho com quatro orelhas tinha chegado e estava na clínica veterinária esperando a cirurgia para remoção de seu olho, então fui dar uma olhada nele”, disse Anderson ao site The Dodo.

Embora sua aparência única tenha sido o que a atraiu inicialmente, foi a personalidade amorosa do gato que a fez se aproximar. “Ele devia estar com muita dor, mas a primeira coisa que fez quando o peguei foi ronronar e esfregar o rosto no meu”, contou Anderson. “Eu disse às garotas na clínica veterinária que iria abrigá-lo durante sua recuperação da remoção do olho”.

Após a cirurgia, Anderson apelidou o gato de um único olho como Frankenkitten, uma alusão aos pontos proeminentes que agora se estendem ao longo da lateral do rosto dele.

Embora o gatinho de 10 semanas tenha passado por tanta coisa em sua curta vida, quando Anderson o levou para casa para ele se recuperar, o comportamento doce de Frankie não mudou nem um pouco.

“Quando o levei para casa, ele ainda estava muito grogue e com dor, mas ainda assim mostrou muito amor e carinho por mim, pelas crianças e pelos outros animais”, disse Anderson. “Na manhã seguinte, decidi que queria ficar com ele”.

Anderson sabia que Frankie era realmente especial, mas não por nenhum dos motivos óbvios.

“Provavelmente já dei lar temporário a cerca de 80 gatos e gatinhos no último ano, e ele foi o primeiro que eu soube que me arrependeria de doar”, acrescentou Anderson.

Após o período de espera de oito dias exigido pelo abrigo, Frankie se juntou oficialmente à família de Anderson, ganhando três irmãos felinos, Dless, Mina e Lucius Malfoy, e um irmão beagle chamado Dudley.

Embora seu olho esteja se curando rapidamente, Frankie ainda não está fora de perigo em relação à sua saúde. Como outros gatos de quatro orelhas, que muitas vezes sofrem com problemas genéticos, tais como nanismo ou deficiências cognitivas, Frankie nasceu com uma grande sobremordida, que exigirá um tratamento dentário extensivo quando ele for um pouco mais velho.

“Ainda estamos esperando seus dentes permanentes crescerem (cerca de mais cinco meses), mas quando isso acontecer, seus caninos inferiores precisarão ser removidos”, explicou Anderson. “Se eles não forem removidos, causarão danos ao céu de sua boca quando ele fechá-la. Seus caninos superiores poderão permanecer, mas eles provavelmente vão ficar para fora da boca, como pequenos dentes de vampiro“.

Frankie com certeza se destaca do grupo, mas a rara anormalidade genética não interfere no fato de ele aproveitar sua vida de gatinho. “Nada disso parece afetar o suas brincadeiras, pois ele está sempre correndo pela casa”, observou Anderson. “No momento, ele explora a casa com três gatinhos que estou abrigando. Ele adora fazer bagunça.”

Apesar de sua mãe ter tentado fazê-lo usar um tapa-olho feito sob medida, Frankie não quer saber dele, preferindo piscar para todos que conhece.

Frankie pode dar um trabalhão às vezes, mas sua mãe o ama pelo que ele é, e está fazendo tudo o que pode para ajudá-lo a crescer seguro e forte.

Para seguir as aventuras de Frankie, confira seu Instagram.

Por Lily Feinn / Tradução de Alda Lima 

Fonte: The Dodo 

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.