Gato-mourisco é devolvido ao habitat, em Caruaru (PE), após cinco meses em recuperação

Gato-mourisco é devolvido ao habitat, em Caruaru (PE), após cinco meses em recuperação
Gato-mourisco achado em Caruaru - Foto: divulgação/CPRH

Cinco meses após ser achado em uma residência, um gato-mourisco foi devolvido ao seu habitat, numa área de mata em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, nessa terça-feira (10). Nesse período, o animal, que foi encontrado ainda filhote, esteve em recuperação no Centro de Triagem e Reabilitação de Animais Silvestres (Cetras Tangara), no Recife.

O felino havia sido achado no início do mês de dezembro passado em uma residência, do bairro Jardim Boa Vista, em Caruaru. Capturado por soldados do Corpo de Bombeiros, o gato-mourisco foi levado para a sede da unidade de conservação Parque Natural Municipal Professor Vasconcelos Sobrinho, na Serra dos Cavalos, que acionou a CPRH para o resgate e condução para o Cetras Tangara, no Recife.

O gato-mourisco pertence a uma das espécies de felino silvestre de maior distribuição geográfica no país. Em Pernambuco, ocorre na Mata Atlântica e na Caatinga, sobretudo em áreas de vegetação arbustivo-arbórea mais densa.

Carnívoro, o animal é cerca de duas vezes maior que um gato doméstico, podendo chegar a até 70 centímetros, e viver cerca de 15 anos.

Fonte: Folha de Pernambuco

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.