Gatos são achados com sinais de facadas e estrangulamento em Joinville, SC

Gatos são achados com sinais de facadas e estrangulamento em Joinville, SC
Gatos foram encontrados mortos e com marcas de agressão nesta semana. Foto: Instagram/Reprodução/ND

Mais um caso de violência contra animais chocou moradores de Joinville, no Norte de Santa Catarina. Pelo menos quatro gatos foram mortos de forma brutal na quarta (28) e quinta-feira (29), no Morro do Meio, com sinais de esfaqueamento e estrangulamento.

O caso foi denunciado nas redes sociais da Frada (Frente de Ação pelos Direitos Animais) nesta quinta-feira (29), que afirmou que já entrou em contato com a Polícia Civil.

A família que cuidava de alguns dos gatos é conhecida por abrigar animais que são abandonados, principalmente na estrada. Após um período de cuidados, os felinos costumam ser castrados e colocados para adoção.

“Eles não conseguem  manter todos dentro de casa porque são muitos, mas moram em uma rua sem saída, que deveria ser tranquila”, diz o texto da Frada.

De acordo com Khévinn Augusto da Cunha, um dos tutores dos felinos, os três primeiros animais foram encontrados mortos na quarta-feira, dentro de sacolas plásticas. Um deles era de outra vizinha. O terceiro não pôde ser identificado pois estava em estado de decomposição.

Na sexta, uma gatinha de cinco meses foi vista junto aos outros, com o estômago cortado. “Era uma dos xodós da casa”, lamenta.

Fiscalização

Khévinn conta que vizinhos incomodados com os gatos já teriam denunciado a família por suposto maus-tratos. De acordo com ele, no entanto, a fiscalização da prefeitura, no início do mês, não identificou qualquer indício de violência – pelo contrário: teriam até reconhecido os cuidados com animais.

“Nós realizamos o registro de ocorrência, acionamos a Secretaria da Agricultura e Meio Ambiente, bem como comunicamos a DIC”, comentou Khévinn.

A reportagem do ND+ entrou em contato com a prefeitura, que está apurando as informações.

De acordo com o delegado Larry Marcelo Rosa, um inquérito deve ser instaurado para apurar os fato e responsabilizar os criminosos.

Por Sofia Mayer

Fonte: ND Mais

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.