Golfinho foi encontrado morto com rede de pesca presa ao rostro (estrutura que se assemelha a um bico) em Mongaguá, SP — Foto: Reprodução/Mongaguá na Tela

Golfinho é encontrado morto com rede de pesca presa ao corpo no litoral de SP

Um golfinho foi encontrado morto, com uma rede de pesca presa ao rostro (estrutura que se assemelha a um bico) na tarde deste domingo (24), na praia de Mongaguá, no litoral de São Paulo. De acordo com uma das banhistas, ele apresentava ferimentos de corte pelo corpo. O animal foi recolhido pelo Instituto Biopesca.

Conforme apurado pelo G1, o golfinho teria aparecido na faixa de areia da praia e foi visto inicialmente por banhistas por volta de 12h, na Praia de Vera Cruz. Eles o colocaram em cima da mureta e, em seguida, acionaram o Biopesca para recolhê-lo.

Equipes compareceram ao local e recolheram o animal. O Biopesca realizou o recolhimento por meio do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS), que é uma atividade desenvolvida para o atendimento de condicionante do licenciamento ambiental federal das atividades da Petrobras de produção e escoamento de petróleo e gás natural no Polo Pré-Sal da Bacia de Santos, conduzido pelo Ibama.

O projeto avalia os possíveis impactos das atividades de produção e escoamento de petróleo sobre as aves, tartarugas e mamíferos marinhos, por meio do monitoramento das praias e do atendimento veterinário aos animais vivos e necropsia dos animais encontrados mortos.

O G1 entrou em contato com o instituto para pedir detalhes sobre a espécie e causa da morte do golfinho, mas até a última atualização desta reportagem não obteve retorno sobre o assunto.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.