Golfinho foi encontrado morto e sem a cauda na praia de Porto Belo — Foto: Grupo de Operações e Resgate GOR

Golfinho, pinguim e tartaruga são encontrados mortos em praia de Porto Belo, SC

Na tarde deste sábado (20) foram encontrados na praia das Vieiras, em Porto Belo, no Litoral Norte, um golfinho sem a cauda, uma tartaruga e um pinguim mortos. Os animais foram localizados pelo Grupo de Operações e Resgate (GOR) e apresentavam ferimentos que podem ter sido causados em redes ilegais de pesca.

De acordo com o GOR, a guarnição foi acionada pelo Corpo de Bombeiros para verificar um golfinho que havia sido encontrado por populares no costão da praia. Ao chegarem no local, verificaram que ele estava sem cauda e apresentava cortes no corpo.

Enquanto verificavam o animal, a equipe foi abordada por pessoas informando ter outros animais mortos em outro ponto da praia. Ao chegar no local, a guarnição encontrou a tartaruga e o pinguim

Tartaruga encontrada pode ter ficado presa na mesma rede que o golfinho — Foto: Grupo de Operações e Resgate GOR
Tartaruga encontrada pode ter ficado presa na mesma rede que o golfinho — Foto: Grupo de Operações e Resgate GOR

“A gente suspeita que o golfinho e a tartaruga tenham ficado presos na mesma rede. O pinguim está morto há mais tempo mas provavelmente ficou preso em uma rede também porque aqui é cheio de redes ilegais”, disse o presidente do grupo, Pedro Henrique da Silva.

Pinguim estava morto há mais tempo mas as suspeitas são de que tenha ficado preso em rede ilegal — Foto: Grupo de Operações e Resgate GOR
Pinguim estava morto há mais tempo mas as suspeitas são de que tenha ficado preso em rede ilegal — Foto: Grupo de Operações e Resgate GOR

Os animais estão sendo analisados por pesquisadores e devem ser encaminhados ao Projeto de Monitoramento de Praias da Univalli, em Itajaí, para averiguar as causas da morte. As espécies de cada um não foram divulgadas.

Um animal morto por semana

O Grupo de Operações e Resgate informou que no último sábado (13) outro golfinho foi encontrado na mesma praia e que o animal possivelmente morreu afogado por ter ficado preso em redes. O corpo estava com marcas de rede e arranhões pelo corpo.

“Parece que todo final de semana estão aparecendo animais mortos aqui, é um animal morto por semana. Queremos tentar coibir um pouco esses aparecimentos de animais mortos”, reforçou o presidente do grupo.

Golfinho encontrado apresentava vários ferimentos de rede — Foto: Grupo de Operações e Resgate GOR
Golfinho encontrado apresentava vários ferimentos de rede — Foto: Grupo de Operações e Resgate GOR

A assessoria de imprensa da Prefeitura de Porto Belo informou que as fiscalizações estão se intensificando na região e que na última semana foram realizadas ações com o GOR e a Fundação do Meio Ambiente para recolher redes ilegais e informar os pescadores sobre os riscos.

“São pessoas simples que talvez não tenham noção dos riscos. Nossa ação tem a intenção não somente de estar no mar toda a semana recolhendo as redes, como também informar e orientar os pescadores. Eles precisam ter consciência de que essas redes ilegais são um perigo muito grande para a vida marinha”, disse Ana Maria Cordeiro.

A equipe de resgate orienta para que quem encontrar animais mortos em praias, entre em contato com a Polícia Militar, Corpo de Bombeiros ou acione o Projeto de Monitoramento de Praias pelo 0800 642 3341.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.