Grupos de direitos dos animais pedem para reprimir o uso de rifles de ar

Grupos de direitos dos animais pedem para reprimir o uso de rifles de ar

Os funcionários dos direitos dos animais pedem o licenciamento obrigatório para armas de ar em uma tentativa de proteger melhor os animais.

Números nacionais revelados pelas organizações beneficentes mostram que houve 767 chamadas sobre ataques de pistola de ar a animais no ano passado, com 18 em Merseyside, Inglaterra.

A maioria dos chamados envolveu gatos, mas os cães, pombos e raposas também são alvos habituais.

Assim como o licenciamento obrigatório, a organização RSPCA pede uma série de medidas para enfrentar o problema das armas de ar.

Dermot Murphy, Inspetor Chefe da RSPCA, disse: “só durante o ano passado, recebemos 767 relatos de ataques onde armas de ar foram usadas em animais em toda a Inglaterra e no país de Gales”.

“Os animais sofrem ferimentos horríveis e, muitas vezes, morrem como resultado de ataques de armas de ar, e essas armas também são extremamente perigosas em potencial para as pessoas.”

Tradução de Fátima C G Maciel 

Fonte: OTS News

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.