Homem arrisca a própria vida pra salvar a vida do gato Marcelino

Homem arrisca a própria vida pra salvar a vida do gato Marcelino
Créditos: Imagem de Divulgação Marcelino, o gato fujão

Eliseu Mari, de 24 anos, começou a trabalhar como motoboy há 5 meses na cidade de Canoas, no Rio Grande do Sul, depois de perder o seu emprego como mecânico. Segundo ele, “foi por causa da crise”.

Casado e com dois filhos pequenos, ele saiu de casa para fazer uma entrega neste domingo, dia 20 de novembro, para tentar ganhar uma grana a mais no seu orçamento. “Eu trabalho de segunda a segunda, em duas empresas diferentes”.

Foi aí que Eliseu ficou sabendo de um gatinho desconhecido em perigo, preso pra fora da janela do apartamento de um prédio, e resolveu parar a sua moto ao ver a movimentação de alguns moradores da rua.

O gato Marcelino, de apenas 1 ano de idade, havia se metido nesta enrascada enquanto a sua dona viajava. No andar térreo do prédio, alguns vizinhos tentaram chamar os bombeiros, mas não obtiveram sucesso.

Em entrevista ao Catraca Livre, Eliseu contou o que se passou pela sua cabeça ao perceber o que estava acontecendo: “Olha, a ideia era só subir na escada e tentar ajudá-lo a entrar de volta na sua casa ou a descer comigo. Não imaginei que tudo isso iria acontecer”.

O vídeo acima, gravado e postado no Facebook por Ericson Rodrigues, um vizinho do prédio da frente, é um dos mais emocionantes que você vai assistir na sua vida.

Créditos: Imagem de Divulgação Eliseu, Marcelino e uma cena de tirar o fôlego
Eliseu, Marcelino e uma cena de tirar o fôlego (Foto: Divulgação)

Com a ajuda de vizinhos, Eliseu subiu uma escada até a janela em que Marcelino estava preso. Primeiro, ele tentou abrí-la, mas não conseguiu. Foi aí que resolveu colocar o Marcelino em volta do seu pescoço e a descer os degraus se apoiando apenas com uma das mãos.

Marcelino, amedrontado, se agarrou nas costas e pescoço de Eliseu A partir daí, foi muita emoção! (Foto: Imagem do vídeo)
Marcelino, amedrontado, se agarrou nas costas e pescoço de Eliseu
A partir daí, foi muita emoção! (Foto: Imagem do vídeo)

Depois do seu ato heróico, e de salvar a vida do Marcelino, Eliseu montou no seu cavalo alado na sua moto e foi embora. Após a repercussão da postagem feita no Facebook, o herói acabou sendo descoberto.

“Eu gostaria muito que a situação do nosso país melhorasse pra eu conseguir um outro emprego. Preciso reformar a minha casa e cuidar da minha família. Mas acredito que tudo vá melhorar em breve, pra todos nós!”, disse ele.

Eu perguntei se o Eliseu já tinha visto o Marcelino depois do incidente, mas ele respondeu que não. “Ainda não tive tempo, estou trabalhando muito. Sei que nunca vou esquecer do Marcelino e nem ele de mim”.

A dona do Marcelino, Flávia Azevedo Prates, fez o seguinte post no seu Facebook:

“Queria aqui parabenizar esse anjo abençoado, que parou no meio do seu trabalho pra salvar nosso amado Marcelino, e dizer que sim tem gente que presta neste mundo ainda, esse cara simplesmente viu a movimentação, parou a moto, arriscou sua vida pra salvar um gatinho que nem sabia de quem era, e depois ele vai embora como se nada tivesse acontecido, sim só pode ter sido um anjo enviado por Deus. Muito obrigado, motoboy herói!

Por Felipe Canale

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.