Homem condenado a cinco anos de prisão por maltratar e matar cachorro em Springfield, EUA

Homem condenado a cinco anos de prisão por maltratar e matar cachorro em Springfield, EUA

Quando alguém recebe um animal de estimação em sua casa, a maioria das pessoas diria que ele se torna parte da família. Isso soou como verdadeiro para Megan Nevius e Chris Grinkey, que eram os tutores de um chihuahua preto chamado Chico.

Assista ao vídeo clicando aqui.

“Ela tinha o Chico desde os dezesseis anos, e eu estava com ele há três anos”, disse Grinkey. “Ele era parte da família. Temos filhos que nem tivemos por tanto tempo quanto ele”.

Nevius e Grinkey disseram que amavam Chico e ele era mais do que apenas um animal de estimação. Mas, em abril de 2019, um telefonema mudou a vida como eles a conheciam.

“Deixamos nosso cachorro com Jeff Seals quando estávamos fora da cidade”, disse Grinkey. “Ficaram com ele por dois dias. Recebemos um telefonema dizendo que o cachorro havia sido morto”.

Segundo Grinkey, os momentos finais de Chico foram capturados na câmera de segurança da casa de Seals.

“Primeiro, ele chutou o cachorro. Depois, o perseguiu pelo quintal e deu várias voltas, onde o cachorro correu para a porta, para o canil, para o lado da cerca”, disse Grinkey. “Bem no final, era possível ver que o cachorro estava mancando e correndo apenas com duas patas. No final, ele pega uma toalha e tenta limpar o sangue e o joga na gaiola para fazer parecer que o cachorro maior tinha feito aquilo”.

Desde aquela noite, Grinkey e Nevius lutam para obter justiça para Chico e, mais de um ano depois, eles conseguiram. Um juiz condenou Jeff Seals a cinco anos de prisão.

Este caso chamou a atenção de ativistas dos direitos dos animais da comunidade, como Dee Lazarus.

“Defendemos de todas as formas possíveis esses animais, para garantir que a justiça seja feita se eles forem tratados assim”, disse Lazarus.

Lazarus é a presidente da organização P.A.W.S for Life Springfield Animal Rescue. Ela disse que as pessoas envolvidas em casos de maus-tratos a animais raramente são condenadas à prisão.

“Geralmente é apenas liberdade condicional”, disse Lazarus. “Eu nunca ouvi falar de uma sentença de cinco anos por esse tipo de crime. A mensagem precisava ser enviada à nossa comunidade de que, quando você comete esse tipo de crime, não haverá mais apenas um tapinha na mão por isso”.

Embora a sentença não traga Chico de volta, Nevius e Grinkey disseram que traz uma sensação de encerramento.

“Finalmente poderei recuperá-lo e cremá-lo”, disse Nevius. “Ainda não pegamos o cachorro de volta”.

Em breve, Chico poderá finalmente descansar. A P.A.W.S organizou uma cremação privada e a Butler Funeral Home ofereceu fazê-la de graça.

“Ainda temos mais 30 dias, um ano e três meses depois, e finalmente o pegaremos de volta”, disse Grinkey.

Por Madison O’Brien / Tradução de Ana Carolina Figueiredo

Fonte: Wand TV

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.