Homem é acusado de matar cachorros em série com água fervendo em Terra Roxa, PR

Homem é acusado de matar cachorros em série com água fervendo em Terra Roxa, PR
Homem é acusado de matar cachorros em série com água fervendo (Foto: Reprodução Internet)

Um homem foi preso neste domingo em Terra Roxa por jogar água fervendo no cachorro de uma vizinha. O crime causou indignação entre os moradores da rua Leonor D’Helds, porque não seria a primeira vez que o homem comete esse tipo de crueldade. No quintal da casa dele foi encontrado um cemitério de cães, com várias ossadas.

A denúncia é do presidente da APA (Associação de Proteção aos Animais) de Terra Roxa, Fabio Toneli. Segundo ele, o homem vive sozinho e demonstra problemas mentais.

A alegação para os maus tratos é que os bichos entram no quintal sem autorização do morador, mas pedaços de linguiça foram encontrados próximo a entrada, o que dá a entender que os bichos são atraídos para a morte, geralmente por água quente.

Há a suspeita de que o homem se alimente com a carne dos cachorros, o que, segundo Toneli, ainda não é possível confirmar. “Mas a ossada nós vimos. Foi mostrada por ele (homem) mesmo. Estamos indignados”, disse Toneli a OBemdito.

O homem acabou sendo liberado minutos depois da prisão por ordem da delegada plantonista. E ainda saiu bravo, fazendo ameaças, dizendo que “alguém vai pagar por isso (a prisão)”. A delegada mandou intimar o morador e o presidente da APA para serem ouvidos nesta quarta-feira pela manhã.

O cachorro teve parte do corpo queimada, na região do pescoço. Apesar da gravidade do ferimento, segue vivo, graças aos cuidados de um médico veterinário que fez o atendimento de forma voluntária.

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.