Armadinha conhecida como ‘Laço’ (Foto: PMMA/divulgação)

Homem é autuado em mais de R$ 10 mil por abate de capivara em Cachoeira Dourada, GO

Um homem foi multado por abate de animal silvestre em Cachoeira Dourada. A Polícia Militar de Meio Ambiente (PMMA) chegou até a propriedade rural na manhã desta terça-feira (4), após denúncia.

De acordo com denúncia, o homem estava caçando animais silvestres utilizando-se de uma armadilha conhecida como ‘laço’ e grãos de milho moído.

Os militares questionaram o morador a respeito da armadilha . O suspeito informou que a utilizava para a caça e captura de animais.

Segundo a PMMA, a armadilha estava armada, pronta para captura de qualquer animal.

Ainda conforme os militares, na residência, foi encontrada uma capivara abatida, configurando, assim, um crime ambiental.

Diante da situação, a prisão em flagrante delito não foi imposta ao morador, haja vista que assumiu o compromisso de comparecer ao juizado especial criminal da comarca de Capinópolis/MG, conforme termo de compromisso assinado, para responder pelo seu ato.

Foto: PMMA/divulgação
Foto: PMMA/divulgação

Assim sendo, foi lavrada autuação administrava no valor de 3.200,00 Unidade Fiscal do Estado de Minas Gerais — UFEMG, que em reais correspondem a R$ 10.404,48.

Além disso, foram apreendidos os laços utilizados na captura do animal silvestre; 01 (uma) capivara abatida e 500 gramas de milho em grãos.

Fonte: Tudo em Dia

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.