Homem é preso após agredir filhote de cachorro até a morte no Rio

Homem é preso após agredir filhote de cachorro até a morte no Rio

Agressor foi perseguido por testemunhas até que policiais o detiveram. Ele teria tentado arremessar o filhote ao mar, mas foi impedido.

RU rj filhote

Um homem foi preso neste domingo (28) depois de agredir e matar um filhote de cachorro próximo ao Museu de Arte Moderna (MAM), no Centro do Rio. Ele foi detido por agentes da Operação Aterro Presente que foram acionados por pessoas que teriam testemunhado as agressões ao animal.

De acordo com a Secretaria de Estado de Governo Rodrigo Martins da Silva era perseguido por duas pessoas que o flagraram batendo no filhote. As testemunhas teriam impedido ele de arremessar o cachorro ao mar.

Um veterinário que também presenciou as agressões tentou socorrer o filhote, que não resistiu aos ferimentos.

Rodrigo foi levado para a 9ª DP (Catete). Na delegacia, foi constatado que já tinha uma anotação criminal por lesão corporal. Ele foi autuado por maus tratos aos animais, com base no artigo 32 da Lei de Crimes Ambientais, que tem como pena prisão de três meses a um ano e multa. Com a morte do filhote, a pena pode ser aumentada de um sexto a um terço.

De acordo com a Polícia Civil, Rodrigo assinou um termo circunstanciado depois de prestar depoimento e o caso foi encaminhado para o Juizado Especial Criminal.

Fonte: G1

Mais notícias

{module [427]}

{module [425]}

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.