Homem é preso em flagrante por abandonar cadela grávida em Barra do Piraí, RJ

Homem é preso em flagrante por abandonar cadela grávida em Barra do Piraí, RJ
Ele será encaminhado à Casa de Custódia Franz de Castro Holzwrth, em Volta Redonda; pena pelo crime pode chegar a cinco anos de prisão

O delegado titular da 88ª DP (Barra do Piraí), Antonio Furtado, determinou a prisão em flagrante de um entregador de 38 anos, na tarde desta terça-feira, dia 06, por ter abandonado uma cadela grávida da raça basset, no Centro de Barra do Piraí.

Um pedreiro de 56 anos, que passava pelo local, denunciou o ocorrido a guardas municipais que patrulhavam nas proximidades. O homem foi identificado e encaminhado à delegacia, onde alegou não ter conhecimento de que, ao abandonar um animal, estaria cometendo um crime.

O acusado explicou, em depoimento, que após finalizar uma entrega no bairro Cantão, recebeu o pedido da dona da residência para que levasse a cadela e a doasse para um tutor interessado. A mulher, uma idosa de 60 anos, alegou que não tinha condições financeiras de arcar com os gastos provenientes do cuidado com o animal.

Furtado alertou que abandonar cão ou gato tem pena prevista de até cinco anos de prisão. O preso será conduzido nesta quarta-feira, dia 07, para a Casa de Custódia Franz de Castro Holzwrth, em Volta Redonda.

– Pense bem antes de adotar um animal, pois cuidar e oferecer atenção são tarefas que demandam responsabilidade. Os animais merecem respeito e protegê-los é um dever de todos. Essa causa importa e precisa ser tratada com a relevância necessária. Como delegado, sempre fiz questão de me posicionar na linha de frente do combate aos abusos e maus-tratos cometidos contra os animais. É uma luta que não começou hoje, mas que segue ainda mais forte a cada dia – concluiu.

Fonte: Destaque Popular