Homem é preso em Salvador (BA) ao comercializar arara ameaçada de extinção

Homem é preso em Salvador (BA) ao comercializar arara ameaçada de extinção

A Companhia de Polícia de Proteção Ambiental (COPPA) prendeu em flagrante um homem de 27 anos que comercializava aves ameaçadas de extinção. A prisão aconteceu durante uma operação de combate ao tráfico de animais silvestres, realizada na manhã desta segunda-feira (6), no Bairro da Paz, em Salvador.

Entre as aves estava uma da espécie Anodorhynchus hyacinthinus, mais conhecida como arara-azul, que está relacionada na lista internacional de ameaçada de extinção. Segundo a PM, os animais veem sendo traficados para Salvador e posteriormente para os estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Santa Catarina.

Os animais foram encontrados em uma casa onde funcionava um Pet shop de fachada. Além da arara-azul, no local também era comercializada uma arara vermelha, uma arara-canindé, três papagaios, duas cuiubas do coco, duas jandaias, oito jabutis e um tucano do bico amarelo.

As aves são recém-nascidas e estavam em condições inadequadas de cativeiro e cuidados. Os animais foram entregues no Centros de Triagem de Animais Silvestres (Cetas/Inema) para adoção dos cuidados necessários pelos veterinários.

Fonte: BNews

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.