Homem é preso em São Carlos (SP) suspeito de jogar filhotes de cachorro em saco de lixo com fezes

Homem é preso em São Carlos (SP) suspeito de jogar filhotes de cachorro em saco de lixo com fezes
Animais são resgatados em São Carlos, após denúncias de maus tratos — Foto: Prefeitura de São Carlos

Um homem foi preso em flagrante por suspeita de maus-tratos contra animais, após a fiscalização da Prefeitura de São Carlos (SP) encontrar filhotes de cachorro na lata de lixo junto com fezes, em uma casa no bairro Boa Vista.

Após uma denúncia, agentes do Departamento de Defesa Animal foram ao local na manhã desta sexta-feira (26), acompanhados da Polícia Militar, e encontraram filhotes jogados vivos em um saco de lixo.

O local ainda encontrava-se em péssimas condições de higiene. A situação causou revolta em todos que participaram da operação, segundo a Prefeitura de São Carlos.

Cachorro e filhote foram encontrados por agentes de defesa animal de São Carlos em péssimas condições. — Foto:

Prefeitura de São Carlos

O homem foi levado para o Departamento de Polícia e está à disposição da Justiça. Todos os animais que estavam no local – 4 cães e 6 gatos adultos – foram apreendidos pelos funcionários do Canil e Gatil Municipal, e serão castrados e colocados para adoção.

Já os filhotes encontrados no saco de lixo estavam em estado crítico, sendo que um já foi estava morto. Outros três foram encaminhados para o ambulatório veterinário do Departamento de Defesa Animal, onde recebem cuidados. 

Crime
 
Deixar o animal preso a correntes ou cordas, mantê-lo em locais pequenos, sujos, sem ventilação, sem espaço para locomoção, sem acesso à água tratada, sem alimentação adequada e diária, sem assistência veterinária quando adoece ou se acidenta são atos definidos como maus-tratos.

O aumento de pena para maus-tratos aos animais já foi aprovado este ano. A Lei 14.064/2020, que altera a Lei de Crimes Ambientais, aumentou a pena de um ano e quatro meses para a pena de dois a cinco anos.

Fonte: G1