Homem que decepou focinho de cadela é condenado e terá de prestar serviços comunitários

Homem que decepou focinho de cadela é condenado e terá de prestar serviços comunitários
Animal precisou ser sacrificado / Foto: Divulgação

Um homem que decepou o focinho de um cadela com golpe de foice foi condenado pela Justiça e irá prestar serviços comunitários. O crime ocorreu no dia 09 de janeiro de 2022, no município de Ipueiras (TO).

Na época, o animal precisou ser sacrificado por causa do grave ferimento. A cadela tinha apenas quatro meses de vida. O acusado Juveni Rodrigues Nogueira foi denunciado pelo Ministério Público do Tocantins (MPTO), por meio da 7ª Promotoria de Justiça de Porto Nacional.

Conforme a denúncia criminal, assinada pelo promotor de Justiça Luiz Antônio Francisco Pinto, o homem teria cometido o crime simplesmente porque o animal, que pertencia a uma vizinha, entrou no quintal de sua casa.

Juveni Nogueira foi condenado a dois anos e 11 meses de detenção, substituída por duas penas restritivas de direitos, referentes ao pagamento de prestação pecuniária de três salários mínimos a entidade pública ou privada com destinação social e prestação de serviços gratuitos à sociedade.

Fonte: AF Notícias


Nota do Olhar Animal: Lamentável que, mesmo com a Lei Sansão, juízes ainda vejam uma agressão covarde como essa como sendo algo que não merece reclusão.

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.