Homem que mantinha cães em ‘situação de extrema crueldade’ é preso em cidade gaúcha

Homem que mantinha cães em ‘situação de extrema crueldade’ é preso em cidade gaúcha
Foto: Divulgação / Polícia Civil

Um homem foi preso em flagrante pelo crime de crueldade contra animais. A ação da Polícia Civil ocorreu na tarde desta terça-feira (3), no interior do município de Presidente Lucena, no Rio Grande do Sul.

O homem de 25 anos de idade, morador de Morro do Pedro, mantinha dois cães em situação de maus tratos: sem água, sem comida e sem abrigo. A polícia esteve no local após ser alertada através de uma denúncia anônima.

De acordo com a Polícia Civil, chamou a atenção dos agentes o fato de que um dos cães era mantido confinado em uma pequena gaiola, sem alimentação, sem água e bastante amedrontado. Ambos os cães foram apreendidos e destinados a abrigo um temporário.

Tendo em vista a nova redação da Lei dos Crimes Ambientais, que tornou mais severa a punição para casos de crueldade contra animais, a polícia autuou o indivíduo em flagrante delito. Por se tratar de crime inafiançável, o autor será conduzido ao sistema prisional.

Por Kevin Oswaldt

Fonte: Acústica FM

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.