Homens que caçavam em reserva são detidos por índios no PR

Índigenas da reserva Apucaraninha, em Tamarana, deram voz de prisão a cinco homens que caçavam pássaros no interior da reserva, na noite de sábado (25). Um dos caçadores era menor de idade. Os homens foram detidos com armas brancas, armadilhas, gaiolas vazias e pássaros já capturados.

Policiais militares da Patrulha Rural prestaram apoio à ocorrência. O cacique e um funcionário da Funai (Fundação Nacional do Índio) relataram aos oficiais que o chefe da segurança da reserva e dois índios faziam patrulhamento na região, quando abordaram um veículo Gol vermelho com cinco passageiros.

Ao vasculharem o carro, encontraram dois facões com lâmina de 30 cm, duas porções de substância análoga a maconha, cinco alçapões, uma rede para captura de aves e seis gaiolas, das quais duas estavam vazias e o restante, com pássaros silvestres – três da espécie trinca-ferro e um de espécie ainda não identificada.

Diante da situação os índios deram voz de prisão para o condutor e os passageiros pelo crime de caçar espécimes da fauna. Os suspeitos foram conduzidos para a cadeia indígena Kaingang Federal e, posteriormente, entregues para os policiais militares, que os conduziram para a Central de Flagrante com os pássaros e demais objetos apreendidos.

Os pássaros apreendidos serão encaminhados para avaliação de biólogo no IAP (Instituto Ambiental do Paraná), para posterior soltura em seu habitat natural.

Fonte: Bonde

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.