Homens que maltrataram gato são condenados a limpar zoológico em Dubai

Homens que maltrataram gato são condenados a limpar zoológico em Dubai
Em imagem divulgada pelo governo de Dubai, os três condenados são vistos varrendo a calçada - Uncredited / AP

O emir de Dubai, Mohamed bin Rashid Al Maktum, condenou três homens por maltratarem um gato, e filmarem os abusos contra o animal. Como pena, eles terão que trabalhar na limpeza do zoológico do emirado por quatro horas por dia, durante três meses.“Essas pessoas cometeram um ato de brutalidade violando os princípios humanitários e em contradição com nossos valores e nossa religião”, disse o governo, em comunicado divulgado nesta quarta-feira, segundo a AFP.

Junto com o texto, o governo local divulgou imagens dos três homens, vestidos com uniformes azuis, varrendo as calçadas do zoológico de Dubai. As identidades dos condenados não foram divulgadas.

O vídeo, que circulou pelas redes sociais, mostra um homem incitando dois cães rottweiler a devorarem um gato vivo. De acordo com a imprensa local, os três detidos no caso são dois asiáticos e um cidadão do emirado.

Fonte: O Paraná


Nota do Olhar Animal: Uma punição terrível para eles seria condená-los a ficarem confinados perpetuamente em jaulas, a mesma pena imposta aos animais do zoológico, mas que, diferentemente destes agressores, não cometeram crime algum.

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.