Homens são multados por venderem tatus em Gurupi, TO

Homens são multados por venderem tatus em Gurupi, TO
Tatus estavam foram devolvidos à natureza — Foto: BPMA/Divulgação

Dois homens, que não tiveram as identidades divulgadas, foram multados em R$ 500 cada, por estarem vendendo dois tatus, animais silvestres, pelo valor de R$ 100. A dupla foi detida em Gurupi, no sul do estado, nesta quinta-feira (11), após denúncia anônima.

Os animais estavam dentro de um saco. Como não apresentavam nenhum ferimento, nem sinais de domesticação, os foram levados para uma reserva legal do município e devolvidos ao habitat natural.

Os homens foram levados para a Central de Flagrantes de Gurupi, onde foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).

Crime

O Batalhão da Polícia Militar Ambiental adverte que quem vende, expõe à venda, exporta ou adquire, guarda, tem em cativeiro ou depósito, utiliza ou transporta ovos, larvas ou espécimes da fauna silvestre, nativa ou em rota migratória, bem como produtos e objetos dela oriundos, provenientes de criadouros não autorizados ou sem a devida permissão, licença ou autorização da autoridade competente, comete o crime previsto em lei.

A pena é detenção, de seis meses a um ano, e multa de R$ 500 por indivíduo de espécie não constante de listas oficiais de risco ou ameaça de extinção.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.