Ibirubá (RS): Promotoria de Justiça busca solução para problemas em canil

A Prefeitura de Ibirubá tem 90 dias para iniciar um programa de castração em massa de cães que estão no canil municipal. O acordo foi firmado pela Prefeitura e pela ONG “Mi Au Juda”, perante o Ministério Público. Ocorre que, no ano passado, a administração do canil foi repassada para a ONG e, desde então, a população de animais praticamente dobrou, em razão do constante abandono de cães por moradores da cidade e de municípios vizinhos. Pelo acordo, a Prefeitura também deverá promover campanhas de conscientização da comunidade, além de realizar a limpeza e construir melhorias na sede do canil. A castração também ocorrerá entre a população de cães de todo o município, de bairro a bairro.

Conforme a Promotora de Justiça Rafaela Hias Moreira Huergo, a partir deste acordo, houve um avanço expressivo na conscientização por parte da população em relação aos cães de rua, que vinha se configurando como problema de saúde pública. “A ação do Ministério Público, na função de intermediador e facilitador ativo, permitiu a construção de uma solução através da qual a proteção animal saiu beneficiada”, finaliza a Promotora de Justiça.

Fonte: Rádio Progresso

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.