Identificado homem que atingiu cão com tiros na cabeça; animal sobreviveu

Identificado homem que atingiu cão com tiros na cabeça; animal sobreviveu
Com 30 chumbos alojados na cabeça, o animal foi sujeito a vários tratamentos. Os tutores querem justiça.

O autor dos tiros que atingiram gravemente um cão de raça husky, deixando-o cego de um dos olhos, em Soure, Portugal, foi constituído arguido pela GNR e as armas – duas caçadeiras e 36 cartuchos – foram apreendidas.

O caso ocorreu em novembro. Zucky, de 5 anos, era um cão dócil que, segundo o tutor, José Luís Martins, está agora “completamente diferente”: “Triste e agressivo”.

Com 30 chumbos alojados na cabeça, o animal foi sujeito a vários tratamentos. Os tutores querem justiça. O suspeito, de 58 anos, está indiciado por maus tratos a animais.

Fonte: CM / mantida a grafia lusitana original

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.