RS saoleopoldo cuidadora espancada 01

Idosa cuidadora de 70 cães tem casa invadida e é espancada no RS

Mulher de 79 anos, moradora de São Leopoldo, está hospitalizada. Animais serão doados em feira que será realizada no sábado (7).

Uma idosa de 79 anos teve a casa invadida por um homem, foi espancada e teve R$ 100 levados em São Leopoldo, no Vale do Sinos do Rio Grande do Sul, no último domingo (1), segundo a Polícia Civil. Marina Candida Pereira vive sozinha e cuida de pelo menos 70 cães abandonados e, aproximadamente, 20 gatos. Ela está internada em um hospital.

RS saoleopoldo cuidadora espancada 02Segundo o relato de uma das netas, a avó cozinhava comida para os animais, quando um homem invadiu sua casa e a agrediu, pedindo por dinheiro.

A panela que estava no fogão começou a queimar, e foi a partir da fumaça que os vizinhos encontraram Marina dentro da casa, no bairro Campestre, e acionaram a Brigada Militar e o Sistema de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

De acordo coma família, a vítima teve dentes quebrados e ossos da face fraturados. Apesar de ter problemas de visão, ela conseguiu descrever aos netos que o agressor se tratava de um rapaz jovem. A polícia ainda investiga a autoria do crime.

Segundo familiares, Marina está hospitalizada, aguardando um leito e a data da cirurgia pela qual precisará passar. Uma vez recuperada, passará a dividir a casa com algum familiar, ou irá se mudar para a casa dos netos. “Com certeza, sozinha ela não vai ficar”, garante a neta Daiane Sperb Seganfredo, analista de projetos.
Feira será realizada para doar animais

O bairro Campestre é conhecido pelo abandono de animais. A neta de Marina relata que, especialmente nas proximidades da casa da avó, muitos cães e gatos são largados. “Já virou ponto de depósito. Minha avó não tem condições financeiras, mas não quer deixar os animais na rua”, conta.

Assim que a idosa sair do hospital, a família não pretende mais aceitar os animais, tanto pelo alto custo com ração, quanto por falta de espaço.

Pensando nisso, ONGs ligadas à causa animal da região, com o consentimento da família e apoio da Secretaria de Proteção Animal (Sempa), se mobilizaram para organizar uma feira de adoção na cidade.

O evento vai ocorrer no próximo sábado (7), das 9h às 16h, na esquina das ruas Conceição e Independência, em frente ao colégio Visconde, no Centro de São Leopoldo. Até lá, a Secretaria deve dar suporte veterinário e encaminhar as castrações.

RS saoleopoldo cuidadora espancada 03

Fonte: G1

Mais notícias

{module [427]}

{module [425]}

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.