Imagens registram momento em que cachorro é atropelado e acaba morrendo em Campina Grande, PB

Imagens registram momento em que cachorro é atropelado e acaba morrendo em Campina Grande, PB
Cachorro é atropelado e morto em Campina Grande. Suspeito não prestou socorros — Foto: Redes Sociais

Imagens de um circuito de segurança registraram o momento em que um cachorro foi atropelado e acabou morrendo em Campina Grande. O caso aconteceu no sábado (20) e, de acordo com a Polícia Civil, o suspeito do crime já foi ouvido e alega que a ação não foi intencional.

VÍDEO: Cachorro é atropelado e morto em Campina Grande

Como é possível ver nas filmagens de câmeras de segurança, em uma rua da cidade, um carro preto faz uma curva para a direita e, a alguns metros, um cachorro está deitado quase no meio da rua.

Após fazer a curva e seguir em frente, o carro passa por cima do animal e o arrasta ainda por alguns metros. De acordo com a polícia, o suspeito de cometer o atropelamento seguiu viagem e não prestou os primeiros socorros ao animal.

Ainda nas imagens, é possível conferir também que algum tempo depois do atropelamento, o cachorro reaparece, desta vez cambaleando, e posteriormente cai no mesmo local em que estava deitado antes de ser atropelado. Pessoas em uma moto e moradores do lugar rapidamente rodeiam o animal.

Ao g1, a delegada que investiga o caso, Herta de França, disse que o suspeito foi identificado e localizado nesta segunda-feira (20). Ele foi levado para a Central de Polícia da cidade, onde prestou depoimento sobre as circunstâncias do ocorrido e foi liberado posteriormente.

No depoimento para as autoridades, segundo a delegada, o suspeito alegou que, de fato, atropelou o animal, no entanto, não realizou de maneira intencional. A partir de agora, testemunhas que presenciaram o atropelamento e também viram o animal morto em uma rua de Campina Grande vão ser ouvidas.

Segundo Herta de França, mesmo que fique comprovada a não intencionalidade do homem em atropelar o animal, ainda assim, é possível que ele responda ao crime de maus-tratos a animais.

As investigações sobre o caso seguem por parte da Polícia Civil.

Fonte: g1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.