Portugal incendio caes crime

Incêndio mata 14 cães e polícia suspeita ação criminosa

A Polícia Judiciária (PJ) esteve no local a investigar o caso.

Por Inês André de Figueiredo

Um incêndio no anexo de uma residência em Gulpilhares, em Vila Nova de Gaia, resultou na morte de 14 cães da raça Beagle, sendo que ainda foram salvos 10 animais que se encontravam no exterior da habitação.

Fonte do Comando da PSP do Porto disse ao Notícias ao Minuto que o proprietário da residência fazia criação de Beagles e que não se encontrava ninguém em casa no momento do alerta.

O facto de a casa estar vazia e de não haver justificação para o incêndio, podendo ser fogo posto, levou a que a Polícia Judiciária estivesse no local a investigar o caso.

O alerta foi dado por dois transeuntes que viram o fumo do incêndio e os bombeiros chegaram ao local por volta das 14h15, confirmaram os bombeiros de Gaia ao Notícias ao Minuto.

Para além dos Bombeiros Sapadores de Gaia, estiveram no local os Bombeiros Voluntários de Aguda e Valadares, num total de quatro viaturas e 25 homens, uma equipa da Câmara Municipal de Gaia e a PSP de Valadares.

Fonte: Notícias ao Minuto / matida a grafia lusitana original

Mais notícias

{module [427]}

{module [425]}

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.