Jornalista causa revolta ao falar sobre cães que entram em fazenda: ‘Trituro na bala’

Jornalista causa revolta ao falar sobre cães que entram em fazenda: ‘Trituro na bala’
Delegado Bruno Lima compartilhou vídeo nas redes sociais — Foto: Reprodução/Instagram

Um jornalista de uma rádio de Santa Fé do Sul (SP) causou revolta nas redes sociais após incentivar a prática de maus-tratos a animais em um programa transmitido ao vivo, na terça-feira (25). 

Vídeo: Jornalista causa revolta ao incitar maus-tratos a animais em programa ao vivo.
 
“Eu trituro os cachorros na bala. Matei o que estava matando o que era meu, ponto final. É muito mais fácil você matar o cachorro do que deixar ele dando prejuízo para os outros. Não tem dono, está dando prejuízo, não tem quem responde, pau nele”, disse o jornalista Edson Ferreira Lopes.

“É igual cachorro comedor de ovo. Sabe o que a gente faz? Cansei de fazer isso lá em casa. Pega pimenta malagueta, tempera um ovo quente, fervendo, enche de pimenta, pega a boca dele e tapa. Agora você vai comer. Ele vai gritar. Nunca mais ele come ovo, nunca mais. É assim que educa.”

O vídeo repercutiu e foi compartilhado nas redes sociais pelo delegado e deputado estadual Bruno Lima, que é defensor da causa animal.

“O radialista Edson Ferreira proferiu palavras absurdas, incentivando a prática de maus-tratos aos animais, de forma explícita e totalmente inconsequente, além de assumir publicamente os atos criminosos, como vocês podem conferir no vídeo. Tomaremos as medidas cabíveis contra esse covarde”, escreveu o delegado no post, que tem mais de 219 mil curtidas.

Nota de esclarecimento foi divulgada pela rádio de Santa Fé do Sul (SP) — Foto: Rádio Santa Fé/Divulgação

Nas redes sociais, a Rádio Santa Fé publicou uma nota de esclarecimento sobre o ocorrido, que diz que não concorda com os comentários “infelizes” do jornalista. Disse que a emissora “não compactua e repudia veementemente toda e qualquer fala que incite à violência de qualquer espécie, contra pessoas ou contra animais.”

A nota informou também que as falas do jornalista não representam a opinião da emissora e dos demais colaboradores, e foi totalmente contrária à linha jornalística. A emissora também disse que as medidas necessárias estão sendo tomadas e que o jornalista foi afastado das funções.

Jornalista Edson Ferreira foi afastado da rádio após comentário sobre maus-tratos a animais — Foto: Arquivo pessoal

O jornalista publicou um vídeo na rede social pedindo desculpa pela fala.

“Quero pedir desculpas a todas as pessoas que estão sabendo de um comentário infeliz que eu fiz sobre animais. Nunca matei bicho nenhum, nunca matei animal, nunca judiei de animal, tenho cachorros. Fiz um comentário infeliz quando falei sobre animais que estavam matando carneiro e que eu mataria à bala. Foi só uma maneira de me expressar. De onde vim, vim da roça, tenho 49 anos, me tornei jornalista, mas peço desculpas a todos”, disse.

“Fui infeliz no que eu falei. A Rádio Santa Fé não compactua com o que eu disse, foi toda responsabilidade minha e a emissora já tomou as devidas providências quanto a minha fala. Peço desculpa a todos. Não tive a intenção de maltratar animal e nem influenciar as pessoas a matar animal. Jamais eu faria isso, desculpe”, finalizou.

Fonte: G1 (com informações de Patrick Lima/TV TEM)

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.