Justiça atende MP e proíbe maus-tratos a animais em prova de laço em Rolândia, PR

Justiça atende MP e proíbe maus-tratos a animais em prova de laço em Rolândia, PR

Por Marco Feltrin

Atendendo pedido liminar formulado em ação civil pública pela 2ª Promotoria de Justiça de Rolândia, no Norte-Central paranaense, a Vara da Fazenda Pública da Comarca proibiu a realização de provas e a utilização de apetrechos que possam causar sofrimento a animais no “The Champion Roper”, evento que será realizado no Rancho Kentucky, zona rural do município, no próximo sábado (8). A ação foi motivada por uma representação apresentada à Promotoria de Justiça pelo Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal.

Em consequência da decisão judicial, estão proibidas no evento provas como o “bulldogging” (derrubada de boi), o “team roping” (laço em dupla), o “calf rolping” (derrubada de bezerro) e a ginetada, sob pena de multa de R$ 30 mil para cada ato de descumprimento.

Foi vedado também o uso de sedém, peiteira, choques elétricos ou mecânicos, corda americana e esporas rombudas ou com pontas – que caracteriza maus tratos aos animais.

O evento promete mais de R$ 50 mil em prêmios, entre motos e quantia em dinheiro.

Fonte: Massa News 

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.