Londrina (PR) ganha ‘hospital de reabilitação’ para animais vítimas de maus-tratos

Londrina (PR) ganha ‘hospital de reabilitação’ para animais vítimas de maus-tratos
'HV da UniFil' é o primeiro Centro de Apoio à Fauna Silvestre do Estado!

O secretário do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo do Paraná, Márcio Nunes, e o reitor do Centro Universitário Filadélfia (UniFil), Eleazar Ferreira, inauguram oficialmente o primeiro Centro de Apoio à Fauna Silvestre (CAFS) do Estado, que funciona no Hospital Veterinário (HV) da universidade. A iniciativa é resultado de uma parceria que visa garantir tratamento e reabilitação a espécies silvestres vítimas de maus tratos, acidentes, cativeiro ilegal, tráfico e outros crimes ambientais.

O N.Com informa que o trabalho de acolhimento à fauna já era realizado há mais de sete anos no HV da UniFil, período em que o hospital tratou de aproximadamente cinco mil animais, mas que depois de novembro do ano passado, o Hospital Veterinário foi reconhecido como CAFS pelo Governo do Estado e, de lá para cá, atendeu quase 300 animais silvestres. Atualmente, o HV está com 55 animais silvestres internados para tratamento e reabilitação.

O trabalho do HV contribui, ainda, para despertar mais interesse dos alunos de Medicina Veterinária pela área de silvestres, bem como permite a realização de ações de Educação Ambiental com alunos de escolas públicas e particulares de Londrina e região.

Os animais silvestres são aqueles que vivem na natureza e não tem contato com os humanos. Alguns exemplos são a onça-pintada, a arara-azul, o mico-leão-dourado e o jabuti-piranga. Quando tirados da natureza, os animais silvestres sofrem, podendo ter dificuldades para crescer e se reproduzir, por exemplo.

O HV da UniFil tem uma missão: o cuidado com a vida animal. O telefone para mais informações é o 43 3375 6400.

Por Simone Albieri – Paiquerê FM News

Fonte: Paiquerê FM News

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.