Marcha da Defesa Animal marca luta contra maus-tratos e aumento de punição em Maceió, AL

Marcha da Defesa Animal marca luta contra maus-tratos e aumento de punição em Maceió, AL

Evento reunião dezenas de pessoas na orla da Ponta Verde, na tarde deste domingo (18).

Por Izabelle Targino

Representantes de diversas organizações de protetores de animais abandonados, tutores e a comunidade participaram a Marcha da Defesa Animal, realizada pela da Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Alagoas (OAB/AL) e da Comissão de Bem Estar Animal, na orla da praia da Ponta Verde, na tarde deste domingo (18). O evento marca o dia de luta pelo bem-estar e cuidados dos animais, que acontece nas principais capitais do país.

De acordo com a presidente da Comissão de Bem Estar Animal da OAB Alagoas, Rosana Jambo, a marcha tem o objetivo de  promover o bem-estar animal, além de conscientizar à população sobre os direitos dos animais.

“Nós estamos mobilizados e conscientizando a população  sobre os direitos dos animais, pendido o fim doa maus-tratos, além de pedirmos o aumento da pena para crimes de maus-tratos contra os animais. As pessoas precisam saber se conscientizarem que os animais têm direitos e que devem ser respeitado”, disse a presidente.

A pena para quem comete crime de maus-tratos contra os animais vai de três meses até um ano de detenção, mais multa. Se o animal vier a óbito, esta pena aumente de um sexto a um terço. A Comissão luta para que a pena aumente para oito anos. “Se aumentar para oito anos, o criminoso já começa a cumprir a detenção em regime fechado, o que não acontece hoje”, disse.

Além das ações de conscientização, a marcha também está arrecadando ração e produtos de uso veterinário, que serão doados para os grupos e instituições que cuidam de animais abandonados. No local também foram vendidas camisetas do evento.

A Marcha da Defesa Animal de Maceió tem o apoio do ABMCJ (Associação Brasileira das Mulheres de Carreira Jurídica), Neafa, Grupo Pata Amada, Grupo Ação Animal, Grupo Resguardar São Miguel dos Campos, FDDA-AL, Gvam, Pata Voluntária, Resgatei e Exércitos de protetores soldados da causa animal, assim como protetores independentes.

AL Maceio marcha defesa animal2

AL Maceio marcha defesa animal3

AL Maceio marcha defesa animal4

AL Maceio marcha defesa animal5

AL Maceio marcha defesa animal6

AL Maceio marcha defesa animal7

AL Maceio marcha defesa animal8

Fonte: Alagoas 24 Horas

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.