Todos os cinco cachorros estavam molhados e magros (foto: Polícia Militar Ambiental/Divulgação )

Maus-tratos: polícia resgata cinco cachorros em Santa Maria, DF

Agentes da Polícia Militar Ambiental do DF resgataram cinco cachorros em situação de maus-tratos em Santa Maria, nesta sexta-feira (22/3). Após uma denúncia anônima, policiais encontraram os animais presos sem água e sem comida. O local estava sem condições de higiene, já que eles faziam as necessidades fisiológicas presos e ficavam reféns da condição climática.

O batalhão informou que todos estavam molhados e magros. Uma fêmea estava prostrada em um dos cantos sem conseguir levantar mesmo ao ser chamada pela senhora infratora. “Foi observado no local uma quantidade significativa de resíduos de lixo, o que colocava a segurança dos animais em risco. Havia também pontas de ferro e pregos”, disse o comandante Major Souza Júnior

A mulher que estava na casa casa afirmou que o suposto tutor não se encontrava. Ela foi notificada com uma ocorrência de maus-tratos, prevista no artigo 32 da lei 9605/98. A moça não tinha histórico policial. Num primeiro momento, os cães permaneceram na residência, mas os militares conseguiram um lugar seguro para encaminhá-los e, ainda na manhã deste sábado (23), os cachorros devem ser transferidos.

Maus-tratos

As delegacias da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) registraram, em janeiro e fevereiro deste ano, 21 ocorrências de maus-tratos a animais. A maior parte das denúncias chega à PCDF de forma anônima.

Representantes da Delegacia Especial de Proteção ao Meio Ambiente e à Ordem Urbanística alertam para a importância de realização a denúncia, tanto pelos canais de digitais ou, formalmente, nas delegacias de área, para atuação efetiva da polícia.

Por Patrícia Nadir

Fonte: Correio Braziliense

Os comentários abaixo não expressam a opinião do Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.