Metade dos animais transferidos de reserva em crise voltam à natureza

Metade dos animais transferidos de reserva em crise voltam à natureza

Espécies de aves e quelônios saíram da Revecom para o Ibama, no AP. Animais foram reinseridos após cuidados no centro de triagem, em Macapá.

Mais da metade dos animais transferidos em fevereiro da Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) Revecom para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas) do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente (Ibama) foram devolvidos à natureza. A reserva localizada em Santana, a 17 quilômetros de Macapá, passava por uma grave crise financeira e foi obrigada a ceder 121 animais para o centro.

Entre as espécies que retornaram ao habitat natural estão jabutis, araras e papagaios, que foram libertados em áreas de soltura na zona rural da capital. “A reinserção desses animais é gradual. No tempo em que os animais ficaram no Cetas eles foram nutridos e treinados para recuperar as habilidades de sobrevivência e de voo”, disse César Guimarães, superintendente do Ibama.

Animais doentes ou debilitados que não possuem condições de voltar para a natureza estão sendo encaminhados aos poucos para áreas de preservação em outros estados, com o objetivo de conviverem em cativeiro com um número maior de indivíduos da mesma espécie, segundo Guimarães.

AP santana dsc0600Na Revecom, ainda permanecem alguns animais de grande porte, como onça-pintada, gavião-real, gato maracajá, anta, entre outros. O administrador da reserva particular, Paulo Amorim, conta que a situação financeira e ambiental da Revecom foi normalizada, não sendo necessária a transferência imediata das espécies que ficaram no espaço que mede 170 mil metros quadrados.

“Eu solicitei, à época, para o Ibama que levasse alguns animais que estavam sofrendo com a contaminação aqui na reserva, por gás sulfídrico, resultante de um esgoto a céu aberto dentro da área. Mas após um relatório do próprio Ibama que constatou e pediu os reparos na tubulação a situação amenizou”, disse Amorim.
O superintendente do Ibama informou que os animais da Revecon estão cadastrados na Rede Nacional de Zoológicos, e, dependendo da oferta de condições estruturais e de convivência, são levados para outras regiões.

Fonte: G1

Os comentários abaixo não expressam a opinião da ONG Olhar Animal e são de responsabilidade exclusiva dos respectivos autores.